Pense num dia de sol em Windsor e no que lhe ia apetecer vestir para ir a um casamento pouco antes da hora de almoço. Cores vivas, lá está. Foi o que pensaram vários convidados da boda real deste sábado, por sinal, os que mais impressionaram com o guarda-roupa casamenteiro. A começar por Amal Clooney. Quando ela chegou, não houve olhos para mais ninguém, nem mesmo para o marido, George, se bem que a isso ele já deve estar habituado. Do tom de amarelo aos pequenos franzidos e pinças do vestido (cortesia de Stella McCartney), até chegar ao chapéu, a senhora Clooney está no topo da lista das mais bem vestidas.

[Reveja os 5 momentos-chave do casamento neste vídeo de 2 minutos]

No mesmo rol, estão a Duquesa de Cambridge, que voltou a vestir Alexander McQueen, casa que lhe desenhou o vestido de noiva em 2011, Kitty Spencer, a sobrinha da princesa Diana que é também modelo e a atriz indiana Priyanka Chopra, surpreendentemente classy. Victoria Beckham não foi lá muito original. Assim que a vimos, lembrámo-nos automaticamente do vestido que usou em 2011, no casamento de William e Kate. Na altura, estava grávida, o modelito tinha muito mais tecido, mas tirando isso, não restam muitas diferenças.

Victoria Beckham nos casamentos reais de 2011 e 2018: descubra as diferenças © Getty Images

A família real não desiludiu. A Rainha usou um vestido de seda com tons de lima, limão, roxo e cinzento e um casaco em tweed de seda no mesmo tom de lima. Camila vestiu rosa claro, enquanto Sophie Rhys-Jones, mulher do príncipe Eduardo, escolheu o azul bebé. A princesa Eugenie optou pela mesma cor da tia, já a irmã, a princesa Beatrice, optou por um tom bem mais pesado.