É considerado um dos solteiros mais cobiçados do Reino Unido, mas essa realidade está prestes a acabar. Hugh Grant, também tido como o “enfant terrible” de Hollywood, vai casar pela primeira vez. O ator de “Quatro casamentos e um funeral” e de “Notting Hill” tem 57 anos e namora há seis com a noiva.

No começo desta semana, vários jornais britânicos anunciaram o enlace. Longe de ser um casamento real, a união de Grant com a namorada dehá seis anos, Anna Eberstein, tem que se lhe diga. A ex-produtora de televisão sueca é, afinal, mãe de três dos seus cinco filhos (a primeira criança do casal, um rapaz, nasceu em 2012; seguiu-se uma menina em dezembro de 2015 e um terceiro filho, cujo sexo é desconhecido, em março último). Grant tem ainda outros dois filhos — Tabitha e Felix — com a ex-companheira Tinglan Hong.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Ao longo dos anos, têm sido várias as mulheres ligadas romanticamente ao ator — incluindo Jemima Khan, editora da magazine “New Statesman” e grande repórter da “Vanity Fair” –, mas nenhum dos relacionamentos é mais conhecido do que aquele com a atriz Elizabeth Hurley, com quem Hugh Grant namorou durante a década de 1990. Foi também durante esta relação que Hugh Grant foi detido em Los Angeles, em junho de 1995, por ter recorrido aos serviços de uma prostituta, de nome Divine Brown, além de ter pago uma multa de 800 libras (cerca de 910 euros).

Grant e a namorada de 39 anos conheceram-se há seis anos num bar em Londres e vivem juntos naquela cidade. A ex-produtora de televisão é atualmente diretora da empresa que fundou, Ace&Me, dedicada a roupa de crianças.