Museus

Atelier AR4 vence concurso público para o Museu Nacional da Resistência e da Liberdade

153

O Atelier AR4 ficou em primeiro lugar no concurso público para a elaboração do projeto do futuro Museu da Resistência, em Peniche. Concorrentes vão ser expostos ao público no Museu de Arte Popular.

O Museu Nacional da Resistência ficará instalado no antigo Forte de Peniche

A Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) anunciou, esta terça-feira, os resultados do concurso público para a realização do projeto de arquitetura do futuro Museu Nacional da Resistência, em Peniche. Em primeiro lugar ficou o Atelier AR4c (com coordenação do arquiteto João Barros Matos), seguido da FSSMGN Arquitetos (com coordenação da arquiteta (Margarida Grácio Nunes). O terceiro lugar foi ocupado pelo arquiteto Marcelo de Gouveia Cardia.

O concurso, promovido pela DGPC com assessoria técnica da Secção Regional Sul da Ordem dos Arquitetos, recebeu 22 participações. Os trabalhos foram apreciados e ordenados pelo júri, composto pelos arquitetos Alexandre Alves Costa, enquanto presidente, João António Serra Herdade, João Mendes Ribeiro, Sofia Aleixo e o designer Henrique Cayatte.

O Atelier AR4c (com coordenação do arquiteto João Barros Matos) ficou em primeiro lugar no concurso promovido pela DGPC

A iniciativa, no valor de 256 mil euros, foi lançada em fevereiro pela DGPC. No passado 11 de maio, o organismo abriu novas candidaturas para as  obras de recuperação dos antigos pavilhões prisionais da Fortaleza de Peniche, onde ficará instalado o espaço museológico de 11 núcleos temáticos. O investimento na recuperação do espaço, da respetiva muralha e de instalação do Museu Nacional da Resistência e Liberdade será de cerca de 3,5 milhões de euros. Destes, três milhões serão financiados por fundos comunitários e, os restantes, pelo Orçamento do Estado para 2018.

Os projetos que participaram no concurso público para o projeto do Museu da Resistência serão apresentados ao público numa exposição que será inaugurada a 20 de junho, às 19h, no Museu de Arte Popular, em Belém.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Descobrimentos

Uma lança em África /premium

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
371

Neste tempo, em que muitos se orgulham do que os deveria envergonhar, também há quem se envergonhe das glórias da história de Portugal.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)