Centro Cultural De Belém

CCB. Nova temporada comemora 25 anos de existência

As comemorações dos 25 anos do Centro Cultural de Belém (CCB) vão estender-se até ao próximo ano com exposições, um livro comemorativo e a conclusão do projeto arquitetónico inicial.

O Centro Cultural de Belém abriu portas a 21 de março de 1993

TIAGO PETINGA/LUSA

O Centro Cultural de Belém (CCB) celebra, em 2018, 25 anos de existência. As iniciativas levadas a cabo para assinalar a data têm sido várias e, de acordo com a programação da nova temporada, anunciada esta terça-feira, irão extender-se até 2019. É aliás, no decorrer do próximo ano, que será concluído o projeto arquitorial inicial, revelou o presidente do organismo, Elísio Summavielle.

O CCB abriu portas a 21 de março de 1993, mas os trabalhos de conclusão do complexo — da responsabilidade dos arquitetos Vittorio Gregotti e Manuel Salgado — só serão iniciados em 2019 com a construção dos módulos quatro e cinco, a zona poente, onde se instalará um hotel e uma galeria comercial. De acordo com Elísio Summavielle, foi “finalmente” regularizado o registo predial dos terrenos, depois de um “longo e penoso processo”. “O contrato deve ser fechado no próximo ano”, adiantou o presidente, que acalenta esperanças de obter para o CCB “uma receita simpática que lhe garanta mais sustentabilidade e mais ambição na sua missão estatutária”.

Entretanto, como salientou Isabel Cordeiro, do conselho de administração, “são 25 anos que se fazem sentir e que implicam uma contínua e clara aposta na conservação e requalificação do edifício e dos equipamentos”. Neste sentido, será realizada “uma intervenção futura na Sala Almada Negreiros, que verá a sua capacidade aumentada e melhoradas as condições para a realização de congressos internacionais”. Também a Sala Ribeiro da Fonte, junto ao Jardim das Oliveiras, será alvo de uma “obra de renovação”. Já a Sala Vitorino Nemésio foi recentemente ampliada. Nos dois auditórios que foram alvo de obras de beneficiação em 2016 e 2017, serão substituídos, de forma gradual, alguns equipamentos, adiantou ainda a mesma responsável.

Os 25 anos do CCB serão também assinalados com iniciativas variadas, incorporadas no programa da nova temporada, que incluem uma exposição alusiva e um open day, a 21 de março de 2019. No que diz respeito à mostra — que será instalada no exterior do edifício –, esta irá apresentar 25 fotografias, que documentam diversas fases da sua construção, e um vídeo de 25 minutos, que conta a sua história do CCB, a primeira obra da democracia portuguesa, destinada a um usufruto livre e plural da cultura”, salientou Isabel Cordeiro durante a apresentação desta terça-feira.

Elísio Summavielle destacou a cimeira de jazz europeia, que acontecerá de 13 a 18 de setembro deste ano, e a programação Belém Cinema, que irá apresentar filmes clássicos em ecrã gigante, à semelhança do que foi feito muito recentemente no CCB. Foi “uma aposta ganha”, disse o presidente, referindo-se também aos ciclos Entrevista de Vida, com Anabela Mota Ribeiro, e a 2084, imagine, com Graça Castanheira. Summavielle sublinhou ainda o “equilíbrio financeiro” da instituição, “duramente reconquistado, nestes dois anos”.

Está também previsto a edição de um livro sobre o CCB. Coordenado pelo arquiteto Nuno Grande, o lançamento contou com a colaboração do arquiteto paisagista João Gomes da Silva, do artista António Campos Rosado, da ilustradora Ana Aragão e dos fotógrafos Daniel Malhão e Miguel Vale Figueiredo. Este último “acompanhou dia e noite, o desenvolvimento da obra”, referiu Isabel Cordeiro. Durante a nova temporada, será ainda lançada “uma linha exclusiva de peças de autor, de edição limitada”, da autoria de Fernanda Fragateiro, Ricardo Bak Gordon e Ricardo Preto, disse ainda a responsável.

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Eleições Europeias

Querida Europa...

Inês Pina

Sabemos que nos pedes para votarmos de cinco em cinco anos, nem é muito, mas olha é uma maçada! É sempre no dia em que o primo casa, a viagem está marcada, em que há almoço de família…

Educação

Aprendizagem combinada: o futuro do ensino

Patrick Götz

Só integrando a tecnologia na escola se pode dar resposta às necessidades do futuro, no qual os futuros trabalhadores, mesmo que não trabalhando na indústria tecnológica, terão de possuir conhecimento

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)