O Benfica assegurou esta segunda-feira, em comunicado, que vai avançar com uma queixa-crime contra o Sporting “por grave difamação e denúncia caluniosa”. A queixa foi feita na sequência da denúncia dos “leões” à FIFA de “aliciamento e assédio ilegal” do Benfica a jogadores do clube, entre eles o guarda-redes Rui Patrício, que rescindiu por justa causa.

Sporting avança com ação contra Benfica nos tribunais e na FIFA “por assédio ilegal a jogadores”

Leia o comunicado na íntegra:

“A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD informa que avançará com uma queixa-crime por grave difamação e denúncia caluniosa contra a Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD, a propósito de um suposto aliciamento e assédio ilegal feito a jogadores daquele clube e cujo fundamento resulta de um simples comentário de um ex-quadro do SCP num programa desportivo.

A inusitada situação só se pode explicar pelo conjunto de ocorrências que são do conhecimento público, mas não iliba os seus responsáveis pelas levianas e graves difamações.”