Às 20h desta segunda-feira, os sportinguistas juntaram-se nas imediações do estádio José Alvalade, mais concretamente ao Edifício Visconde de Alvalade, para exigir a saída do presidente Bruno de Carvalho e dos restantes membros do Conselho Diretivo. A manifestação tinha um mote simples: “Eleições no Sporting JÁ!”. Com o passar dos minutos, o número de presentes aumentou e a partir das 20h30 o cenário era já outro, com algumas centenas de sportinguistas presentes a pedir uma mudança no clube e a erguer lenços brancos em sinal de protesto.

A manifestação, que decorreu de forma ordeira, reuniu sportinguistas de diferentes tendências, unidos por uma convicção: a de que os acontecimentos recentes em Alvalade retiraram a legitimidade a Bruno de Carvalho, que deve, se quiser, voltar a submeter-se a ato eleitoral para continuar à frente do clube. A pluralidade prova-se com a presença do comentador político Daniel Oliveira, ex-apoiante de Bruno de Carvalho, ao lado de Pedro Madeira Rodrigues, Carlos Severino ou Vítor Espadinha, críticos desde a primeira hora.

Veja a fotogaleria acima.