Um roubo que poderia ter acabado como tantos outros e um apelo no Facebook que podia não ter dado em nada, mas deu — a história de Teresa Taveira teve um desfecho feliz. Roubaram-lhe o carro em Leça da Palmeira na quarta-feira e, um dia e um post depois, o ladrão acabou por lhe devolver alguns pertences, exceto o carro.

Ao Observador, Teresa Taveira contou que na quarta-feira de manhã saiu de casa com o filho e quando se ia dirigir ao carro percebeu já não estava no sítio onde o tinha deixado. A primeira preocupação foi a cadeira de rodas que estava lá dentro, pois o filho tem Insensibilidade Congénita à Dor com Anidrose (CIPA) — uma condição rara que provoca, entre outras coisas, infeções e problemas nas articulações –, pelo que precisa dela diariamente para se deslocar.

Depois do choque de perceber que tinha ficado sem muitos valores — o carro, a cadeira de rodas, os relatórios e exames médicos e as cadeiras dos outros filhos — pensou que como há “tanta gente a pedir coisas no Facebook” poderia fazer o mesmo. E assim fez. Na rede social, escreveu que já em agosto lhe tinham roubado os pneus e que desta vez foi “o carro inteiro” e deixou uma mensagem a quem fez o serviço. “Aos assaltantes, devolvam por favor a cadeira de rodas e os documentos“, acrescentando: “Amigos, partilhem, que pode ser que chegue a algum assaltante ou a quem encontrar a cadeira ou os documentos numa berma… Obrigada”.

ACTUALIZAÇÃO: DEVOLVERAM A CADEIRA DE RODAS E OS DOCUMENTOS TODOS. OBRIGADA PELA SENSIBILIDADE. FICA A FALTAR A CARRINHA…

Posted by Maria Teresa Taveira on Wednesday, June 6, 2018

24 horas e 47 mil partilhas depois eis que o post na rede social deu resultado, ainda que inesperado. “Pensei que se calhar iam atirar as coisas para um terreno baldio ou para a borda da estrada e que alguém me viesse entregar, não estava à espera de que o ladrão me viesse deixar as coisas à porta de casa“, contou, entre risos, ao Observador. “Como dizem as pessoas nos comentários: é um ladrão com bom coração”, rematou, Teresa Taveira.

Depois de receber de volta os objetos que tinha dentro do carro fez uma nova publicação onde deu conta do resultado e agradeceu o gesto. “Obrigada, Sr. Ladrão, afinal, foi sensível ao meu apelo, contra todas as probabilidades, parece uma história para um filme. Somos pessoas cheias de sorte, não me canso de dizer”.

O Facebook é um fenómeno. Depois de quase 47.000 partilhas, e 5.600 comentários eis que encontramos assaltantes com…

Posted by Maria Teresa Taveira on Thursday, June 7, 2018

O apelo, feito através do Facebook, foi bem recebido pelos ladrões e a história acabou com final feliz. “Depois de quase 47 mil partilhas e 5.600 comentários eis que encontramos assaltantes com consciência”, lê-se no post. Afinal “o Facebook é um fenómeno” poderoso.