Educação

Funcionária mordeu bebé em jardim de infância da Santa Casa da Misericórdia da Chamusca

577

Funcionária do jardim de infância "O Coelhinho", gerido pela Santa Casa da Misericórdia da Chamusca, mordeu uma bebé com um ano e nove meses no braço por esta ter mordido outros colegas.

istock

Depois de uma bebé com um ano e nove meses ter mordido outros colegas no jardim de infância “O Coelhinho”, gerido pela Santa Casa da Misericórdia da Chamusca, uma funcionária, como castigo, mordeu a criança no braço. Segundo o Correio da Manhã, a instituição suspendeu a funcionária e instaurou um processo disciplinar.

Ao jornal, Nuno Castelão, provedor da Santa Casa da Misericórdia da Chamusca, classificou o caso como “intolerável”, afirmando que a funcionária pode vir a ser despedida.

O Observador entrou em contacto com o instituição, mas até ao momento da publicação da notícia não foram divulgadas mais informações.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
China

Os chineses vestem Prada /premium

Diana Soller

Depois de quatro décadas de crescimento, consolidação e expansão económica internacional não acreditar que Pequim veio para ficar como importante ator no sistema internacional só pode ser uma ilusão.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)