Protestos

Milhares de pessoas manifestam-se na Macedónia contra acordo sobre novo nome para o país

Milhares de pessoas manifestaram-se contra acordo histórico que põe fim a 27 anos de conflito bilateral sobre o nome da ex-república jugoslava. Passa a designar-se República da Macedónia do Norte.

O protesto foi convocado pelo principal partido da Macedónia e contou com a participação de pessoas que chegaram em autocarros desde o norte da Grécia

NAKE BATEV/EPA

Autor
  • Agência Lusa
Mais sobre

Milhares de pessoas manifestaram-se este domingo na cidade de Bitola, na Macedónia, próximo do lago Prespa, na parte grega, contra o acordo entre Atenas e Skopje que poderá acabar com a disputa sobre o nome da ex-república jugoslava da Macedónia.

Nas imediações do lago Prespa, a polícia chegou a carregar sobre um grupo de pessoas que atiravam pedras e lançou gás lacrimogéneos, depois destas terem tentado romper o cordão policial.

A manifestação contou com a participação de pessoas que chegaram em autocarros desde o norte da Grécia.

O protesto foi convocado pelo principal partido da Macedónia, o VMRO-DPMNE, cujo líder, Hristijan Mickoski, classificou o acordo de “inaceitável”.

É a maior capitulação e catástrofe que jamais vimos. Macedónia é o nosso nome. É o nome que carregamos com orgulho e honra”, exclamou Mickoski.

A Grécia e a Macedónia assinaram este domingo, na cidade fronteiriça de Psarades um acordo histórico que põe fim a 27 anos de conflito bilateral sobre o nome da ex-república jugoslava, que agora passa a designar-se República da Macedónia do Norte.

Até agora, o nome oficial da Macedónia era Antiga República Jugoslava da Macedónia (FYROM, na sigla em inglês).

O acordo foi assinado este domingo pelos ministros dos Negócios Estrangeiros dos dois países, pondo assim termo a 27 anos de conflito bilateral e irá permitir o fim do veto da Grécia à entrada da Macedónia na União Europeia (UE) e na NATO.

O acordo estipula que em substituição do nome Antiga República Jugoslava de Macedónia (FYROM) se passe a usar definitivamente o nome República de Macedónia do Norte.

O novo nome, só entrará em vigor no final do processo de ratificação, que incluirá um referendo popular no país e a mudança da Constituição do país.

O líder da oposição já disse que o seu partido vai vetar a emenda da Constituição, a qual requer os votos favoráveis de dois terços dos deputados do Parlamento.

Na cerimónia de assinatura também estiveram presentes os primeiros-ministros dos dois países, Alexis Tsipras e Zoran Zaev, bem como a chefe da diplomacia da União Europeia, Federica Mogherini, e o comissário europeu responsável pelo Alargamento, Johannes Hahn.

Agora que entramos em 2019...

...é bom ter presente o importante que este ano pode ser. E quando vivemos tempos novos e confusos sentimos mais a importância de uma informação que marca a diferença – uma diferença que o Observador tem vindo a fazer há quase cinco anos. Maio de 2014 foi ainda ontem, mas já parece imenso tempo, como todos os dias nos fazem sentir todos os que já são parte da nossa imensa comunidade de leitores. Não fazemos jornalismo para sermos apenas mais um órgão de informação. Não valeria a pena. Fazemos para informar com sentido crítico, relatar mas também explicar, ser útil mas também ser incómodo, ser os primeiros a noticiar mas sobretudo ser os mais exigentes a escrutinar todos os poderes, sem excepção e sem medo. Este jornalismo só é sustentável se contarmos com o apoio dos nossos leitores, pois tem um preço, que é também o preço da liberdade – a sua liberdade de se informar de forma plural e de poder pensar pela sua cabeça.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Conflitos

Mediterrâneo

Luis Teixeira

Huntington defendeu, como Braudel, que a realidade de longa duração das civilizações se sobrepõe a outras realidades, incluindo os Estados-nação em que se supôs que a nova ordem mundial iria assentar.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)