Honda

Type R bate (novo) recorde e bate-se com o 911 Carrera

A Honda apostou em conquistar recordes em cinco pistas europeias com o Civic Type R. Em Magny-Cours tornou-se no tracção à frente mais rápido e bateu adversários mais potentes e caros, como o 911.

Tradicionalmente, é o circuito de Nürburgring, ou melhor, os tempos por volta conseguidos na pista alemã, que determinam qual o melhor desportivo e o mais rápido. Mas a Honda está apostada em elevar a fasquia, pelo que depois de se tornar a mais rápida no Inferno Verde entre os modelos com apenas tracção à frente, com o Civic Type R, eis que tenta repetir a façanha em cinco pistas europeias. E a primeira foi Magny-Cours, em França.

Sem os pergaminhos do traçado alemão, à pista francesa não faltam curvas capazes de separar os bons desportivos dos menos eficazes. Com um Civic Type R de série, com pneus homologados para circular na via pública e com Esteban Guerrieri aos comandos, o Honda estabeleceu a melhor volta em 2 minutos, 1 segundo e 51 centésimos, o que o coloca à frente da concorrência. Tanto a representada pelos desportivos com tracção à frente, como o Peugeot 308 GTi (com motor 1.6 THP de 270 cv), que rodou em 2.07,41, como os que recorrem à tracção às quatro rodas, como o Ford Focus RS (de 350 cv), que se ficou pelos 2.07,70.

Se a concorrência com tracção às rodas anteriores não abunda, o mesmo não acontece em relação a modelos mais potentes, sofisticados e substancialmente mais caros. Em relação a estes, o Type R de 320 cv bateu confortavelmente desportivos do gabarito do BMW M2 (375 cv e que tem como melhor volta 2.03,20), ou o Mercedes C 63 AMG S (510 cv e 2.02,28). O Honda, proposto em Portugal por cerca de 46 mil euros, foi mesmo capaz de se bater com modelos como o Jaguar F-Type SVR (575 cv e 2.01,20), ou o Porsche 911 Carrera S (420 cv e 2.01,10). E, neste caso, não deixa de ser impressionante como um desportivo com mais 100 cv do que o Type R e o triplo do preço (o Carrera S é proposto por 135 mil euros) não se consegue superiorizar de forma evidente, o que diz tudo em matéria da eficácia do ágil Civic.

De realçar que, depois de Magny-Cours, o Honda “caçador” de recordes rumou a Spa Francorchamps. Na Bélgica o desportivo japonês voltou a conquistar o recorde entre os tracção à frente, com 2.53,72, desta vez com Bertrand Baguette ao volante. Mais uma vez atrás do Type R ficaram alguns concorrentes directos, mas sobretudo uma série de desportivos com maior notoriedade e potência.

Pesquisa de carros novos

Filtre por marca, modelo, preço, potência e muitas outras caraterísticas, para encontrar o seu carro novo perfeito.

Pesquisa de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: alavrador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)