O chefe da diplomacia russa, Serguei Lavrov, reúne-se esta quarta-feira com o conselheiro de segurança nacional dos EUA, John Bolton, anunciaram esta segunda feira as autoridades russas, quando se prepara uma possível cimeira entre os líderes dos dois países.

“O Ministério dos Negócios Estrangeiros confirma a informação sobre uma reunião de trabalho de Lavrov que terá esta quarta-feira, 27 de junho, em Moscovo”, lê-se numa nota oficial.

O porta-voz de Bolton, Garrett Marquis, deu conta, na semana passada, da viagem do assessor de Donald Trump a Moscovo, mas não adiantou detalhes sobre os preparativos para o encontro entre os Presidentes, que, segundo meios de comunicação britânicos e austríacos, decorrerá em meados de julho em Viena.

Segundo o jornal The Times, a Casa Branca espera que a reunião entre os dois chefes de Estado se realize ou antes da cimeira da NATO, que terá lugar a 11 e 12 de julho em Bruxelas, ou imediatamente depois da visita de Trump ao Reino Unido, prevista para 13 de julho. O jornal indicou que o encontro poderá ter lugar em Viena, informação também divulgada pelo diário austríaco Kronen Zeitung.

O porta-voz de Putin, Dmitri Peskov, recusou no domingo comentar o possível encontro entre os Presidentes norte-americano e russo em Viena, indicando apenas que a informação seria prestada oportunamente. Trump tinha afirmado ser “possível” reunir-se com Putin, possivelmente este verão, e o Kremlin também se mostrou aberto a essa possibilidade.