O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse esta segunda-feira que o relacionamento do seu país com a Rússia nunca foi tão mau, devido à investigação sobre a interferência russa nas eleições americanas de 2016.

“O nosso relacionamento com a Rússia nunca foi pior devido aos muitos anos de absurdo e estupidez dos Estados Unidos e agora, a caça às bruxas”, escreveu Donald Trump no Twitter.

Donald Trump referia-se à investigação liderada por Robert Mueller – promotor especial escolhido pelo Departamento de Justiça norte-americano para investigar uma suposta ingerência de russos nas últimas eleições dos EUA.

A mensagem de Trump surgiu pouco antes da cimeira desta segunda-feira com Vladimir Putin, marcada para 13h20 (10h20 GMT) no Palácio Presidencial em Helsínquia para discutir os conflitos na Síria e na Ucrânia, o desarmamento nuclear e a suposta interferência de Moscovo nas eleições dos Estados Unidos.

A cimeira de Helsínquia, a primeira formal entre Trump e Putin, vai ter início com um encontro privado entre os dois líderes, e será acompanhada apenas pelos seus intérpretes. Em seguida, Trump e Putin participam num almoço de trabalho conjunto com ministros e assessores, seguido de uma conferência de imprensa.

A primeira cimeira Trump-Putin. De que vão eles falar?

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR