Atletismo

Patrícia Mamona confirma mínimos para os Europeus de Berlim, com 14,19 metros

Patrícia Mamona confirmou os mínimos 'A' para os Europeus de atletismo de Berlim, com 14,19 metros no triplo salto do 'meeting' de Sotteville-les-Rouen, em França.

EPA

Autor
  • Agência Lusa

Patrícia Mamona confirmou esta terça-feira os mínimos ‘A’ para os Europeus de atletismo de Berlim, com 14,19 metros no triplo salto do ‘meeting’ de Sotteville-les-Rouen, em França, prova em que Lecabela Quaresma conseguiu um novo recorde pessoal (13,90).

Patrícia Mamona logrou 14,19 metros com um vento regulamentar (1,9 m/s), no segundo salto, e conseguiu confirmar a marca de qualificação para os Europeus de Berlim, ganhando confiança para aceitar o ‘wild card’ que lhe foi oferecido pela Associação Europeia de Atletismo, por ter sido campeã europeia em 2016.

Lecabela terminou, porém, à frente da sportinguista, pois também saltou 14,19 metros, mas com vento antirregulamentar (2,6 m/s — acima dos 2,0 permitidos), que também lhe ‘anulou’ — exceto para a classificação da prova – o segundo melhor registo, de 13,98 metros (3,1 m/s).

A atleta da Juventude Vidigalense ainda conseguiu sair de França com um novo recorde pessoal, de 13,90 metros, com vento regulamentar (1,1 m/s), passando a ser a terceira melhor portuguesa de sempre. Tirou 42 centímetros aos 13,48 conseguidos em maio e conseguiu os mínimos ‘B’ para Berlim.

Em Soteville-les-Rouen, o pódio foi da língua portuguesa, já que a vencedora foi a brasileira Nubia Soares, com 14,69 metros (v: 1,3 m/s), que estabeleceu um novo recorde do Brasil (tinha 14,56 metros, regulares, e 14,59 em altitude).

Na classificação, Lacabela, que tem mínimos para Berlim no heptatlo, a prova em que deverá participar, foi segunda, à conta de dois saltos com vento antirregulamentar, com os mesmos 14,19 metros de Mamoma, mas com um segundo melhor salto, já que o segundo melhor da ‘leoa’ foi de 13,87 metros (v: +1,6 m/s). Os Europeus de atletismo realizam-se em Berlim, de 07 a 12 de agosto.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Eleições Europeias

Querida Europa...

Inês Pina

Sabemos que nos pedes para votarmos de cinco em cinco anos, nem é muito, mas olha é uma maçada! É sempre no dia em que o primo casa, a viagem está marcada, em que há almoço de família…

Educação

Aprendizagem combinada: o futuro do ensino

Patrick Götz

Só integrando a tecnologia na escola se pode dar resposta às necessidades do futuro, no qual os futuros trabalhadores, mesmo que não trabalhando na indústria tecnológica, terão de possuir conhecimento

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)