Pelo menos 97.342 eleitores são-tomenses estão inscritos para votarem nas próximas eleições legislativas, autárquicas e regional da ilha do Príncipe, marcadas para 07 de outubro, anunciou esta quarta-feira o presidente da Comissão Eleitoral Nacional (CEN), Adelino Pereira.

“Neste momento estão inscritos na base de dados da Comissão Eleitoral Nacional 97.342 eleitores”, disse Adelino Pereira aos jornalistas, sublinhando que a atualização dos cadernos eleitorais realizada entre 17 de março e 15 de maio deste ano permitiu registar mais 6.410 novos eleitores.

De acordo com o presidente da CEN, o distrito de Água Grande, maior distrito do país, tem 37.144 eleitores, em Mé Zóchi (centro) deverão ir às urnas 23.893 eleitores, enquanto Lobata e Lembá ao norte estão registados 10.107 e 7.650 eleitores, respetivamente.

Os distritos de Cantagalo e Caué, ambos situados no sul de São Tomé têm respetivamente 9.509 e 3.865 eleitores inscritos nos cadernos eleitorais.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Na ilha do Príncipe, que se gere por um Estatuto Político Administrativo, 5.174 eleitores vão eleger um governo e uma assembleia regional.

Em setembro do ano passado a CEN concluiu o recenseamento eleitoral de raiz com um resultado de 91.111 eleitores inscritos, menos dez mil, comparando com o número de eleitores inscritos para votar nas eleições presidenciais que deram vitória a Evaristo Carvalho em 2016.

Apesar das explicações dadas pela Comissão Eleitoral nacional, o primeiro ministro Patrice Trovoada considerou este resultado muito aquém do esperado, tendo o seu governo decidido por uma nova atualização dos cadernos eleitorais.