Rúben Semedo, o defesa-central português que jogava pelo Villareal, vai para jogar no Huesca. A notícia foi feita pelo clube no Twitter que, esta temporada, subiu à primeira divisão.

O jogador de futebol de 23 ano estava preso preventivamente desde 19 fevereiro por suspeitas de sequestro e roubo, que levou o Villarreal a suspender o contrato com o jovem. Semedo saiu esta sexta-feira depois de pagar 30 mil euros de fiança.

Rúben Semedo, que tem 24 anos, nasceu na Amadora, na periferia de Lisboa, e vestiu por oito vezes a camisola da seleção portuguesa de sub-21, foi contratado pelo Villarreal ao Sporting há cerca de um ano por 14 milhões de euros. Antes disso, já tinha tido uma experiência no futebol espanhol ao serviço do Réus, na II Liga espanhola, por empréstimo do Sporting.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“Semedo é um defesa central que se destaca pelo seu físico, tem 1,89 metros, o que lhe permite brilhar no jogo aéreo, além de ser muito veloz e ágil, qualidades que fizeram dele, após uma grande campanha ao serviço da equipa principal do Sporting, um dos defesas mais promissores do futebol europeu”, pode ler-se no sítio do Huesca, no qual anuncia o seu empréstimo ao Villarreal.

Rúben Semedo pode sair em liberdade depois de pagar fiança de 30 mil euros

Depois de Rúben Semedo sair do cárcere, o Villarreal anunciou que iria conceder-lhe vários dias de folga até que o seu futuro próximo fosse definido, uma vez que não contava com ele no plantel para a época 2018/19. A apresentação oficial do jogador vai decorrer esta sexta-feira.