Na sua primeira aparição pública desde a eliminação do Brasil no Mundial, Neymar Jr. falou sobre o seu futuro no PSG. “Vou continuar”, disse o craque brasileiro que, recentemente, tem sido associado ao interesse do Real Madrid.

Tenho contrato com o Paris Saint-Germain. Fui pelo desafio, para conquistar coisas novas e na busca de objetivos. Nada mudou na minha cabeça”, afirmou à FoxSports, em São Paulo, durante a gala de beneficiência da fundação com o seu nome.

O brasileiro deixou ainda elogios ao presidente e aos adeptos do clube francês.

Eles acabam especulando demais, esse tema é chato, mas todo mundo sabe o quanto eu sou apaixonado pelo presidente, pelo país e pelos torcedores”. Neymar falou da sua ambição em conquistar mais títulos porque o plantel “é muito bom” e cheio de colegas com “muita qualidade”.

Quanto ao Mundial, Neymar garantiu ter ficado “muito triste” com a eliminação nos quartos de final frente à Bélgica, porque sabia que o Brasil tinha equipa para conquistar o título outra vez. “Infelizmente já foi, o luto passou, a gente tem que escolher ser feliz. A gente tem motivos para estar triste, mas eu prefiro escolher ser feliz.”, disse o jogador.

Houve ainda tempo para responder à vinda do guarda-redes veterano Buffon para o PSG. “É uma grande honra jogar com um grande guarda-redes”, porque a história de Buffon “é o que é”, afirmou.