Uma vulnerabilidade no sistema Bluetooth permite a hackers acederem a dados partilhados entre dispositivos que utilizam a tecnologia, revelou esta segunda-feira o departamento de segurança informática norte-americano U.S. Computer Emergency Response Team (da Agência de segurança americana, NSA). Segundo esta entidade, todos os aparelhos que utilizem Bluetooth precisam de ser atualizados.

Fabricantes como a Apple, a Intel, a Google e a Qualcomm já estão a disponibilizar atualizações de segurança para colmatarem esta falha, noticia a Forbes. A falha no sistema decorre de um erro na encriptação de dados quando dois aparelhos com Bluetooth partilham dados expondo a quem aceda à conexão.

“Tanto quanto sabemos todos os aparelhos que utilizem o sistema Android sem atualização feita até junho e todos os dispositivos com chips sem fios Intel Qualcomm e Broadcom estão vulneráveis”, explicou Lior Neumann, um dos investigadores que descobriu o erro. A maioria dos fabricantes de aparelhos que utilizem a tecnologia já incluíram a solução para a falha nas mais recentes atualizações.

Como explicou o mesmo investigador, apenas é possível um hacker aproveitar-se desta falha quando dois dispositivos estão conectados e se conseguir alcançar esta ligação.