O Sporting apresentou, esta sexta feira, uma queixa na FIFA contra o jogador Gelson Martins e o clube espanhol Atlético de Madrid. A informação foi avançada pelo clube de Alvalade em comunicado colocado no site oficial.

O extremo português rescindiu unilateralmente com o Sporting alegando justa causa na sequência dos acontecimentos de 15 de Maio na Academia em Alcochete e, numa primeira fase, o clube da capital espanhola ainda tentou negociar com os leões de forma a contratar o jovem internacional com o consentimento do Sporting. O presidente da SAD leonina, Sousa Cintra, colocou o preço de Gelson Martins fixado nos 40 milhões de euros e, perante tal exigência, os colchoneros desistiram de negociar com o Sporting e avançaram para a contratação do jogador a custo zero. Alegadamente, a oferta do Atlético à SAD do Sporting não terá ultrapassado os 15 milhões de euros, com mais dez por objetivos.

Quando anunciou o ingresso de Gelson Martins com um contrato válido para as próximas cinco épocas, o Atlético de Madrid preparava-se também para uma batalha legar anunciada e que, agora, terá início. Segundo o jornal espanhol AS, os colchoneros iniciaram de imediato contactos com a FIFA de modo a informarem-se sobre as possíveis consequências do negócio.

Gelson Martins no Atlético de Madrid por 5 épocas

Leia o comunicado na íntegra:

“Face ao inaceitável comportamento do Club Atlético de Madrid no processo relativo ao atleta Gelson Batalha Martins, que repudiamos, o Conselho de Administração da Sporting Clube de Portugal Futebol SAD – que nesta negociação como em quaisquer outras apenas defenderá os superiores interesses do Sporting Clube de Portugal e não quaisquer outros – deliberou, por unanimidade, apresentar uma participação na FIFA com pedido indemnizatório ao atleta e ao Clube, e pedido de aplicação de sanções desportivas a ambos.”