Chiron só há um, aquele de 1.500 cv e mais nenhum. Mas isso não o impede de ser proposto em várias versões. Para já o tão deslumbrante quanto rápido hiperdesportivo está apenas disponível com carroçaria fechada, sendo que uma versão mais potente e outra descapotável, tipo roadster, estarão certamente agendadas para breve, à semelhança do que também aconteceu com o modelo anterior, o Veyron.

A novidade é agora a revelação do Chiron com Sky View, que basicamente é um tejadilho em vidro, dividido em duas partes, uma por cima da cabeça de cada um dos ocupantes. Desde já, o Sky View oferece a vantagem de permitir a acomodação de indivíduos de maior estatura, uma vez que passa a existir mais 2,7 cm entre o banco e o tejadilho, naquela zona.

8 fotos

Cada placa de vidro tem 65 cm de comprimento e 44 de largura e é constituída por quatro camadas de vidro laminado, capaz de reflectir os raios infravermelhos para evitar o aquecimento do habitáculo. A questão que se coloca é para que servem dois rectângulos de vidro num modelo que tem apenas um metro de tejadilho e vidros enormes, garantindo que não falta luz ao habitáculo…