Incêndios

Incêndios. Portugal prescindiu de ajuda italiana um dia antes de Monchique

260

Portugal colocou meios aéreos italianos -- dois aviões Canadair -- em espera na véspera do incêndio em Monchique. Dois dias depois pediu ajuda a Espanha, recebendo três aviões Canadair.

AFP/Getty Images

O Governo português dispensou a ajuda de meios aéreos italianos na véspera do incêndio Monchique. Os dois aviões Canadair foram disponibilizados no âmbito do Mecanismo Europeu de Proteção Civil.

A notícia é avançada pelo Diário de Notícias (DN), que afirma que Portugal terá ativado este mecanismo comunitário preventivamente no início do mês. Na altura, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocava 36 concelhos do país em “alerta máximo de incêndio” e previa uma onda de calor com os termómetros a passar os 40ºC.

“Portugal acionou preventivamente o Mecanismo Europeu de Proteção Civil, antecipando a possibilidade de ter de reforçar o dispositivo de meios aéreos devido ao risco de incêndio previsto para todo o território continental”, esclareceu o Ministério da Administração Interna ao jornal DN.

Em resposta a Bruxelas, Itália disponibilizou dois aviões Canadair. No comunicado emitido pela Proteção Civil italiana no dia 1 de agosto, o país diz-se “disposto a enviar” os meios aéreos e “um representante do Departamento Italiano de Proteção Civil e do Corpo Nacional de Polícia” para apoiar os pilotos e facilitar o contacto com as autoridades portuguesas. No mesmo comunicado, Itália garante que a dispensa dos aviões teve “em consideração as necessidades relacionadas ao território nacional [italiano], garantindo a eficiência inalterada da frota aérea do Estado para a gestão de incêndios na Itália”.

O envio dos meios aéreos chegou a ser dado como certo pelos meios de comunicação italianos, que na segunda-feira noticiavam que os aviões já se encontravam a caminho do nosso país. Contudo, no no dia 2 de agosto (véspera do início do incêndio de Monchique), Portugal terá colocado os meios italianos em “standby”.

Na sequência do incêndio de Monchique, o governo português acabou por pedir ajuda a Espanha, o que se concretizou no envio de três aviões Canadair no dia 4 de agosto (um dia depois de o incêndio de Monchique ter deflagrado. “A opção foi por dar preferência a aviões Canadair a operar a partir de Espanha, imediatamente disponíveis e com menores exigências logísticas”, justificou a fonte do Ministério da Administração Interna contactada pelo DN.

Nesta sexta-feira, após sete dias de intenso combate às chamas, o incêndio foi dado como controlado. De acordo com a Proteção Civil, já não existem frentes ativas e ocorrem agora operações de rescaldo. No total, arderam 28.500 hectares, 41 pessoas ficaram feridas e pelo menos 50 habitações ficaram destruídas.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Desigualdade

What’s right na desigualdade? /premium

Maria João Marques

O ponto é este: as pessoas só aprovam a globalização se sentirem que ganham alguma coisa com isso e, mesmo ganhando, se não veem outros ganharem desproporcionadamente mais.

Política

Os votos /premium

Maria João Avillez

Demasiadas perguntas? É verdade, assim estamos. Mas posso resumir: e se existirem mais portugueses do que se pensa que querem mais do que uma selfie. um deficit zero, gato por lebre? Ah, nesse caso…

Desigualdade

What’s right na desigualdade? /premium

Maria João Marques

O ponto é este: as pessoas só aprovam a globalização se sentirem que ganham alguma coisa com isso e, mesmo ganhando, se não veem outros ganharem desproporcionadamente mais.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)