A Fundação Nacional do Índio do Brasil (Funai) divulgou esta quarta-feira as primeiras filmagens capturadas com drone de uma tribo isolada e raramente avistada da Amazónia.

Nas imagens é possível ver 16 indivíduos a movimentarem-se num acampamento. Um deles aparenta estar a transportar um arco (arma de disparar flechas). O nome desta tribo ainda não foi identificado.

O vídeo foi feito durante uma expedição para monitorização das comunidades isoladas, que é realizada em 2017. A tribo habita a região do Vale do Javari, um território indígena no sudoeste do estado do Amazonas, no extremo Oeste da Amazónia brasileira. Segundo a Funai, existem nesta zona pelo menos 11 tribos isoladas, a maior concentração deste tipo de tribos em território brasileiro. Ao todo, estima-se que existam 107 tribos isoladas no Brasil.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A Funai tem estudado esta tribo à distância com recurso a fotografias e vídeos, mas não entra em contacto com a tribo há mais de 30 anos. O vídeo agora divulgado é o primeiro capturado com recurso a drone.

Para Wallace Bastos, presidente da fundação, esta imagens são de elevada relevância para o estudo e proteção das tribos. “Estas imagens têm o poder de fazer com que a sociedade e o governo reflitam sobre a importância de proteger estes grupos”, disse à SkyNews. “Quanto mais soubermos sobre o estilo de vida destas comunidades isoladas, mais preparados estamos para poder protegê-los.”

Segundo Bruno Pereira, coordenador dos estudos da Funai, as tribos isoladas estão conscientes das cidades e quintas que existem nas periferias do seu território, sendo consciente a opção por viverem isoladas. “Se eles quisessem contactar com o mundo exterior, eles tentariam encontrar formas de comunicar connosco”, disse à AFP.

A escolha pelo isolamento está, segundo Pereira, relacionada com experiências traumáticas anteriormente vividas — ao longo da história, há inúmeros registo de contactos com estas comunidades que resultaram em massacres e epidemias, que dizimaram tribos inteiras. No ano passado, um grupo de mineiros de ouro ilegais terá, alegadamente, assassinado 10 indígenas.

Divulgadas imagens inéditas do “Índio do Buraco”, o último sobrevivente de uma tribo da Amazónia