O Banco de Espanha foi alvo de um ataque informático e está, desde domingo, com o seu website indisponível, confirmou um porta-voz da instituição, citado pela agência Reuters.

A mesma fonte do banco garantiu que o ataque não afetou os serviços ou as comunicações com o Banco Central Europeu ou outras instituições, assegurando ainda que não há risco de utilização dos dados. “É um ataque que nega o serviço e afeta, de forma intermitente, o acesso ao nosso site, mas não teve efeito sobre o funcionamento normal da entidade”, referiu o porta-voz.

Este tipo de ataque informático (denominado de DoS attack – denial-of-service-attack) é sofrido por sites de órgãos públicos com “relativa frequência”, embora desta vez tenha sido “bastante forte”, já que ainda não foi completamente resolvido.

O ciberataque acontece uma semana depois de um grupo de ativistas do coletivo “Anonymous” ter assumido que hackeou os websites do Tribunal Constitucional e da Polícia Nacional, um ataque que denominaram de “Operação Free Catalunha”. Através de um vídeo, o grupo assegurou que “continuariam a atacar” diferentes instituições públicas espanholas pela forma como as autoridades têm tratado os nacionalistas da Catalunha. Ainda este domingo, o grupo utilizou o Twitter para falar sobre o que aconteceu ao site do Banco de Espanha.

https://twitter.com/anoncatalonia/status/1033749366069186560