Cultura

Depois de “Mad Men”, Matthew Weiner apresenta “The Romanoffs”

No total, serão oito episódios com histórias independentes mas sempre com personagens que acreditam ser descendentes da família real russa. Estreia marcada para 12 de outubro no Amazon Prime.

“Mad Men”, uma das séries mais populares dos últimos anos, terminou em 2015, com Don Draper numa espécie de retiro espiritual, longe do mundo. O criador das personagens e da história, Matthew Weiner, seguiu o exemplo da personagem de Jon Hamm e esteve num canto, pelo menos até agora. Neste três anos de ausência, Weiner esteve a preparar o regresso, que acontece a 12 de outubro, quando o serviço de streaming Amazon Prime estrear “The Romanoffs”.

Este foi o primeiro teaser, que não mostrou quase nada:

Entretanto, foram reveladas as primeiras imagens, num trailer de corpo inteiro:

“The Romanoffs” é uma série de oito episódios. Cada um conta uma história independente, mas em todos há um ponto comum: personagens que acreditam ser descendentes dos Romanov, a família real russa morta na madrugada de 17 de julho de 1918. O elenco é diferente em cada capítulo e conta com nomes como Isabelle Huppert, Diane Lane, John Slattery, Amanda Peet, Aaron Eckhart, Corey Stoll, Mary Kay Place, Ron Livingston, Andrew Rannells, Kathryn Hahn, Radha Mitchell ou Clea Duvall.

A 12 de outubro ficam disponíveis os dois primeiros episódios. Depois, a cada sexta-feira é apresentado um novo. Esta é a lista revelada pela Amazon (na página do serviço, tal como está disponibilizado em Portugal, estão já as primeiras informações sobre a série, o que indica que a estreia deverá ser simultânea).

  • “The Violet Hour” e “The Royal We”: 12 de outubro
  • “House of Special Purpose”: 19 de outubro
  • “Expectation”: 26 de outubro
  • “Bright and High Circle”: 2 de novembro
  • “Panorama”: 9 de novembro
  • “End of the Line”: 16 de novembro
  • “The One that Holds Everything”: 23 de novembro

“The Romanoffs” foi rodada em sete países diferentes e três continentes. A série foi escrita, produzida e realizada por Matthew Weiner.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: tpereira@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)