A moeda moçambicana voltou a desvalorizar em mais de um metical pela segunda semana consecutiva face ao euro, de acordo com a média das taxas de câmbio diárias divulgadas pelo banco central.

Durante a última semana, o euro foi comprado no país a uma média de 69,05 meticais, ou seja, 1,36 meticais mais caro que na semana anterior, enquanto a venda foi feita em média a 70,43 meticais, ou seja, 1,39 meticais a mais. Desde a semana de 20 de agosto, depois de o metical se valorizar para máximos de 12 meses face à moeda europeia, a tendência inverteu-se e o euro encareceu em mais de três meticais, tanto do lado da compra como da venda.

Em relação ao dólar, cada unidade da moeda norte-americana foi comprada em média, na última semana, a 59,18 meticais, ou seja, 47 centavos mais cara que na semana anterior, enquanto a venda foi feita em média a 60,36 meticais, ou seja, 48 centavos a mais. A divisa dos EUA é a moeda que serve de base de cálculo às taxas de câmbio de referência para as outras moedas em Moçambique.