As autoridades de saúde da República Democrática do Congo (RDCongo) anunciaram esta quarta-feira ter descoberto um novo caso de ébola em Butembo, uma cidade no leste do país com 1,4 milhões de habitantes.

A porta-voz do Ministério da Saúde, Jessica Ilunga, afirmou que o Governo do país e a Organização Mundial de Saúde (OMS) estão a tomar as medidas imediatas para conter a propagação do vírus da febre hemorrágica do ébola naquela zona urbana. Butembo é a maior cidade da província de Kivu do Norte e os especialistas estão preocupados que o contagioso vírus do ébola possa espalhar-se pela densa população.

Desde 1 de agosto, as autoridades confirmaram 93 casos, com 54 mortos resultantes do mais recente surto de ébola no país. Vários profissionais de saúde começaram uma campanha de vacinação, mas têm sido impedidos pelos ataques esporádicos das milícias rebeldes a operar na região.