Dolores O’Riordan, vocalista da banda irlandesa Cranberries, afogou-se na banheira do hotel Hilton, em Londres, devido a intoxicação alcoólica. Os investigadores já tinham concluído, antes de serem revelados os resultados da autópsia, que a morte não era considerada suspeita. O relatório agora divulgado confirma que a morte foi “acidental”, classificada pelo médico legista como um “acidente trágico”.

O mesmo documento afirma, segundo a BBC, que a cantora não apresentava ferimentos ou sinais de danos auto-infligidos. Os resultados da investigação, divulgados esta quinta-feira — dia em que O’Riordan completaria 47 anos –, revelaram ainda que foram encontradas várias garrafas de substâncias alcóolicas no quarto.

Dolores O’Riordan, de 46 anos, foi encontrada a 15 de janeiro na banheira do quarto de hotel em que se encontrava instalada na capital do Reino Unido, onde se encontrava a gravar novas músicas.

Morreu a vocalista dos The Cranberries