Livros

Letras de Kate Bush vão ser reunidas pela primeira vez em livro

"How to Be Invisible" é o primeiro livro de letras de Kate Bush. O volume vai ser publicado em dezembro pela editora Faber Social, numa altura em que artista inglesa celebra 40 anos de carreira.

Kate Bush lançou o primeiro álbum, "The Kick Inside", em 1978

Getty Images

No ano em que celebra quatro décadas de carreira, Kate Bush prepara-se para lançar o primeiro livro de letras. Intitulado How to Be Invisible, o volume será publicado em dezembro pela editora inglesa Faber Social, sediada em Londres.

How to Be Invisible inclui uma seleção das melhores letras da cantora e uma introdução da autoria de David Mitchel, autor de Cloud Atlas, que, em comunicado, descreveu Bush como “muito mais do que uma cantora e compositora”. “Ela é autora de uma companhia musical que viaja connosco através dos anos. Um dos seus paradoxos é que, apesar de as suas letras serem declaradamente idiossincráticas, estas evocam emoções e sensações que são universais”.

Kate Bush completou 40 anos de carreira em fevereiro deste ano. Foi nesse mês que saiu, em 1978, o seu primeiro álbum, The Kick Inside, que inclui o seu primeiro grande hit, “Wuthering Heights”. Como lembra o The Telegraph, a música é a primeira de muitas inspiradas no trabalho de escritores famosos (Wuthering Heights, em português Monte dos Vendavais, é o título de um romance escrito por Emily Brontë). A segunda parte de Hounds of Love, o álbum que Bush lançou em 1985, cita o poeta Alfred Lord Tennyson. Já The Sensual World, de 1989, inclui excertos da obra-prima de James Joyce, Ulisses.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rcipriano@observador.pt
Governo

A famiglia não se escolhe? /premium

Alberto Gonçalves

Se ainda não se restringiu o executivo aos parentes consanguíneos ou afins do dr. Costa, eventualidade que defenderia com empenho, a verdade é que se realizaram amplos progressos na área do nepotismo

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)