Rádio Observador

11 de Setembro

11 de setembro. Trump começou o dia a falar da Rússia e acabou a homenagear os passageiros do voo 93 da United

O presidente dos Estados Unidos esteve na Pensilvânia, onde visitou o memorial de homenagem aos passageiros que, no dia 11 de setembro, impediram um avião de chocar com o Capitólio.

No dia 11 de setembro de 2001, dois aviões atingiram as Torres Gémeos e um terceiro foi contra o Pentágono. Uma quarta aeronave, desviada para atingir o Capitólio, acabou por se despenhar em Shanksville após uma revolta dos passageiros

Getty Images

No dia em que se assinalaram 17 anos desde o dia 11 de setembro de 2001, Donald Trump começou o dia a escrever no Twitter sobre a investigação à interferência russa nas eleições de 2016, fazendo ainda referência ao FBI, ao Departamento de Justiça e à campanha de Hillary Clinton.

Só depois é que o presidente dos Estados Unidos assinalou o dia marcou o mundo. Primeiro, anunciou que estava de partida de Washington para visitar o memorial ao voo 93 da United Airlines, em Shanksville, na Pensilvânia. Mais tarde, limitou-se a escrever: “17 anos sobre o 11 de setembro!”. Mas a foto que usou na primeira publicação, onde aparece com dezenas de funcionários da Casa Branca, já serviu para criar polémica. Tudo porque na imagem aparecem Omarosa Manigault, ex-conselheira de Trump, e Hope Hicks, ex-directora de comunicação da Casa Branca, que abandonaram o executivo há vários meses.

Já na Pensilvânia, Trump esteve acompanha de Melania e lembrou os passageiros que impediram que os terroristas completassem o objetivo de atingir o Capitólio. “Embarcaram como estranhos e entraram unidos na eternidade como verdadeiros heróis”, disse o presidente norte-americano. “Este memorial é uma mensagem para o mundo: a América nunca se vai submeter à tirania”, afirmou Trump.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Socialismo

Má-fé socialista /premium

José Miguel Pinto dos Santos

Não é a situação social em Portugal muito melhor que na Venezuela — e que nos outros países socialistas? Sim, mas quem está mais avançado na implantação do socialismo, Portugal ou Venezuela?

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)