Moçambique

Papa Francisco poderá visitar Moçambique em 2019

O Papa Francisco poderá visitar Moçambique no próximo ano em resposta a um convite formulado esta sexta-feira no Vaticano pelo Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, noticiou a Rádio Moçambique.

ALBERTO PIZZOLI / POOL/EPA

O Papa Francisco poderá visitar Moçambique no próximo ano em resposta a um convite formulado esta quinta-feira no Vaticano pelo Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, noticiou a Rádio Moçambique.

O papa respondeu positivamente ao convite de Filipe Nyusi, na presença dos jornalistas, no final de um encontro de cerca de 20 minutos, que os dois líderes mantiveram na Biblioteca do Papa no Vaticano. O canal privado STV adianta que, na sua resposta, Francisco afirmou que, se ainda tiver vida, “certamente” que vai visitar Moçambique.

O Presidente moçambicano mostrou-se satisfeito com a resposta do papa Francisco. “Felizmente tivemos resposta favorável”, anunciou Filipe Nyusi, num discurso à comunidade moçambicana na capital italiana, transmitido pela televisão moçambicana.

No encontro após ter-se reunido com o papa, Nyusi explicou que o convite foi feito enquanto oferecia um quadro com uma pintura. Trata-se do “retrato de uma menina a escrever uma carta a convidar o papa a visitar Moçambique”.

Em resposta, “o papa pediu-me para nós todos rezarmos para que ele tenha saúde, para que no próximo ano possa visitar o nosso país”, explicou, salientando que a decisão foi também confirmada aos jornalistas, no final de um encontro de cerca de 20 minutos, que os dois líderes mantiveram na biblioteca papal, no Vaticano.

Católico, Filipe Nyusi convidou o líder da igreja católica a visitar Moçambique num momento em que grupos associados ao extremismo religioso islâmico têm feito ataques no norte do país. Em 2014, Moçambique passou a contar com dois cardeais, com a elevação de Júlio Langa, arcebispo emérito de Xai-Xai, ao colégio cardinalício.

Filipe Nyusi termina esta quinta-feira uma visita de dois dias ao Vaticano, onde se reuniu com dirigentes da Igreja Católica locais para agradecer o apoio nos esforços de manutenção de paz em Moçambique e em projetos de desenvolvimento social e económico.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Moçambique

A extradição de Chang e o futuro da Frelimo

Manuel Matola

Apesar da complexidade do caso e da gravidade das acusações contra Manuel Chang, uma eventual extradição para Moçambique garantiria de que o processo-crime que corre em Maputo teria uma morte natural.

Governo

A famiglia não se escolhe? /premium

Alberto Gonçalves

Se ainda não se restringiu o executivo aos parentes consanguíneos ou afins do dr. Costa, eventualidade que defenderia com empenho, a verdade é que se realizaram amplos progressos na área do nepotismo

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)