Voltou por ordem judicial, trabalho é um "inferno"

Depois de voltar à empresa de onde tinha sido despedida por ordem judicial, uma mulher foi obrigada a carregar sacos de 20 quilos de cortiça e proibida de usar as casas de banho principais.

Por Rita Cipriano