E o império José Avillez continua a crescer. Depois das recentes inaugurações do Mini Bar, no Porto, e do terceiro Cantinho do Avillez — no Parque das Nações, em Lisboa –, aproximam-se duas novas aberturas. Com elas, no total, o chef passa a ter 16 restaurantes em Portugal.

Aquela que vai poder provar mais em breve é o “desenvolvimento” de um projeto que o cozinheiro português estreou em 2017, com o cozinheiro peruano Diego Muñoz. Na sua primeira versão, esta Cantina Peruana morava na mezzanine do Bairro do Avillez, o mega-empreendimento que já reunia 3 restaurantes: o Beco Cabaret Gourmet, a Taberna e o Páteo.

Tanto esta “Cantina” como a própria gastronomia peruana foram ganhando popularidade e isso, soube o Observador, foi uma das motivações para lhe dar casa própria. É nesta base que surge a reencarnação da Cantina Peruana, que vai mudar-se para a zona do Cais do Sodré, em Lisboa, e cuja abertura oficial será entre o final desta semana e o início da próxima.

Como uma novidade nunca vem só — especialmente no caso deste prolífico restaurateur/cozinheiro –, ainda este mês nascerá outro novo espaço, o Za’atar. Numa parceria com o chef libanês Joe Barza, o português inaugura aquela que será a sua segunda aventura nos sabores do Médio-Oriente (a seguir à Pitaria). Inspirado na cultura gastronómica deste país do Levante (região mediterrânica que engloba outros países como Chipre, Síria, Israel, Palestina ou Síria), esta novidade também vai morar na mesma área lisboeta e tem data prevista de abertura algures no final de setembro.