Touradas

Touro morre em largada nas festas da Moita

650

Um vídeo divulgado nas redes sociais mostra o animal deitado no chão durante uma largada nas festas da Moita. Segundo testemunhas, terá embatido num obstáculo e partido a coluna.

Um touro terá morrido na tarde de sábado durante uma largada nas Festas da Nossa Senhora da Boa Viagem, na Moita. O sofrimento do animal foi captado num vídeo divulgado nas redes sociais pela plataforma Basta de Touradas. Os grupos defensores dos direitos dos animais acorreram às redes sociais para lamentar o sofrimento causado ao touro.

Nas imagens, o touro aparece deitado no chão incapaz de se levantar e rodeado de pessoas. Após alguns momentos, um dos homens que assiste decide cobrir o animal com um capote de toureiro.

Segundo testemunhas citadas pelo Diário do Distrito, o animal embateu num obstáculo e terá partido a coluna, acabando por morrer. A mesma publicação avança que um segundo touro “foi abatido à paulada” depois de ter embatido num homem durante uma tourada à noite.

O Observador confirmou que o vídeo diz respeito às festas da Moita, mas não conseguiu, até ao momento, obter confirmação quanto à data em que o mesmo foi captado.

Touro morre na Moita após partir a espinha.

O lado cruel e violento da tauromaquia. Este animal morreu na tarde de sábado durante as largadas de touros da festa de Nossa Senhora da Boa Viagem, na Moita. O touro esteve vários minutos em agonia (como se pode ver no video) acabando por falecer. O animal terá embatido contra um obstáculo, partindo a espinha. O "Diário do Distrito" refere que recebeu informações que durante as largadas nocturas, outro animal foi morto à paulada, após ter colhido um homem.Ainda há quem defenda que a tauromaquia é património cultural imaterial português. Não nos identificamos com este tipo de divertimento, condenamos a violência e a crueldade com os animais.Infelizmente as autoridades portuguesas continuam a ignorar estes episódios.

Posted by Plataforma Basta de Touradas on Monday, September 17, 2018

A morte do primeiro animal foi confirmada pela publicação Festa Brava, um blog dedicado às touradas no Ribatejo. No entanto, a mesma publicação refere que o touro teve morte “quase imediata” (e não, como referia o Diário do Distrito, “em largos minutos”). Também desmentiu a morte do segundo touro.

O partido PAN (Pessoas, Animais e Natureza) partilhou o vídeo em causa na sua página no Facebook, ilustrando-o com as seguintes frases: “Violência não é divertimento. Quantas vezes será necessário repetir”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Orçamento do Estado

Prognósticos só no fim /premium

Manuel Villaverde Cabral

Em vez de poupar nas despesas do Estado, aumentam-se as receitas, isto é, os impostos e, destes, sobretudo os indirectos. Eis o carácter cada vez mais inigualitário de uma fiscalidade dita de esquerda

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)