Marinha

Marinha diz que caixa com mil munições se perdeu a caminho da base dos fuzileiros

192

A Marinha disse que a "queda inadvertida" da caixa na via pública ocorreu na zona do Seixal, durante o percurso entre o Alfeite e o Vale de Zebro e elogiou o cidadão que a entregou à PSP.

JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Autor
  • Agência Lusa
Mais sobre

A Marinha anunciou esta sexta-feira que a caixa com mil munições que foi entregue por um civil à PSP caiu no Seixal, quando estava a ser transportada para a Escola de Fuzileiros, no Barreiro, proveniente da Base Naval do Alfeite.

“As cinco toneladas de material militar (explosivos e munições) provenientes da Lituânia foram conferidas no período da tarde do dia 26 até ao final do dia 27 de setembro. Enquanto decorria o processo de conferência do material, foi recebida, no dia 27 de setembro, pelas 12h30, uma comunicação por parte da Direção-Geral de Recursos da Defesa Nacional, de que haveria uma caixa com mil munições de 9 mm, à guarda da Polícia de Segurança Pública de Setúbal”, esclarece a Marinha em comunicado. O documento, que faz uma análise preliminar ao incidente, salienta que foi verificada a existência de 41 caixas, apurando-se existir uma caixa em falta.

“Foi posteriormente recebida uma nova comunicação da PSP de Setúbal, com a inclusão de fotografias, que permitiu confirmar que o lote das munições da caixa à guarda da PSP pertencia ao material que retraiu (proveniente) da missão realizada na Lituânia”, frisa.

A Marinha explica que a “queda inadvertida” da caixa na via pública ocorreu na zona do Seixal, durante o percurso entre o Alfeite, em Almada, e o Vale de Zebro, no Barreiro, elogiando o comportamento do cidadão que encontrou a caixa de munições e a entregou às autoridades. “O material militar proveniente da Lituânia encontra-se todo conferido e acondicionado nos respetivos paióis na Escola de Fuzileiros, com a exceção da referida caixa de munições que se encontra à guarda da PSP de Setúbal”, refere ainda.

Na quinta-feira, a Marinha anunciou a abertura de um processo de averiguações, com caráter de urgência, para apurar as causas do incidente.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)