Rádio Observador

Acidentes e Desastres

Báltico. Mais de 300 passageiros retidos em ferry

Exército lituano fala em incêndio em ferry com 335 pessoas, no meio do Báltico. Empresa responsável por navio desmente que tenha havido fogo, mas confirma problemas no motor.

O Exército da Lituânia confirmou esta terça-feira a ocorrência de um incêndio num ferry que transportava 335 passageiros, no Mar Báltico, segundo avançou a agência Reuters. Contudo, a empresa dinamarquesa DFDS, operadora responsável pela embarcação, apressou-se a negar à mesma agência que tenha havido um incêndio: “Houve uma vibração e houve fumo, mas não houve nenhum fogo”, explicou um porta-voz.

Em causa terá estado um problema num dos motores, cujo fumo fez disparar o sistema de deteção de incêndio do navio. A DFDS garante que não há feridos a registar e que “a situação está sob controlo”.

Certo é que os passageiros e a tripulação ficaram presos no meio do Báltico. O ferry necessitará agora de ser rebocado para a cidade de Klaipeda, na Lituânia, que era o seu destino final. A embarcação, que partiu da cidade alemã de Kiel, enviou um pedido de ajuda por volta das 10h45 da manhã. O Exército lituano enviou um helicóptero para o local.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)