Rádio Observador

Hotelaria

Grupo Pestana investe 44 milhões em cinco novos hotéis em Lisboa e Porto

O Pestana Hotel Group (PHG) vai investir 44 milhões de euros na abertura de cinco novos hotéis em Lisboa e Porto, anunciou o administrador responsável pelo desenvolvimento do grupo, José Roquette.

O Pestana Palace, em Lisboa, é um dos hotéis mais emblemáticos da cadeia de Dionísio Pestana

Hotel Pestana Palace

Autor
  • Agência Lusa

O Pestana Hotel Group (PHG) vai investir 44 milhões de euros na abertura de cinco novos hotéis em Lisboa e Porto, anunciou o administrador responsável pelo desenvolvimento do grupo, José Roquette. Num encontro com os jornalistas, em Lisboa, o responsável explicou que na capital do país irão abrir, em 2019, uma unidade de quatro estrelas na Rua Braamcamp, com 90 unidades de alojamento (sendo cerca de 70% suítes), e outra, em 2020, junto ao Arco da Rua Augusta, com 89 quartos e classificada com quatro estrelas.

Estas unidades hoteleiras contam com um investimento de sete milhões de euros cada. “Faltavam-nos hotéis de quatro estrelas em zonas muito comerciais. Ficamos com mais 200 quartos no centro de Lisboa. São alugueres”, explicou José Roquette.

Em janeiro, José Roquette tinha admitido que o grupo gostaria de reforçar a presença em Lisboa, mas que — à semelhança do que se têm ‘queixado’ outros grupos hoteleiros — o imobiliário estava muito caro.

No Porto, o PHG estima inaugurar, em novembro, o primeiro City Center & Historical Hotel dedicado à filigrana portuguesa. Esta nova unidade é constituída por 43 quartos, um museu com oficina de filigrana e uma loja. O Pestana Porto — Goldsmith é um hotel de quatro estrelas, na Avenida dos Aliados, e não implicará investimento, pois ao grupo caberá a gestão desta unidade. O investimento cabe a David Rosas.

O outro projeto no Porto tem abertura prevista para 2019 e trata-se de uma Pousada de Portugal na Rua das Flores, com capacidade de 87 quartos, num investimento de 14 milhões de euros.

O grupo tem ainda previsto investir 16 milhões de euros num novo hotel na área do Freixo, junto ao rio Douro, com 167 quartos. “Este é um projeto que o nosso acionista [Dionísio Pestana] sonhou durante muito tempo”, afirmou José Roquette.

Estas cinco unidades nas duas principais cidades do país farão, segundo o responsável, alterar “a dependência do grupo”, passando a ter “mais equilíbrio” na sua oferta hoteleira.

Em termos de expansão internacional, e tal como tinha sido noticiado em 12 de setembro, o grupo Pestana, em parceria com o futebolista Cristiano Ronaldo, vai abrir em Paris, França, o sexto hotel da marca Pestana CR7, num investimento de 60 milhões de euros.

Esta unidade, que deverá abrir em 2023, terá quatro estrelas e contará com 210 quartos, sendo a “que tem maior capacidade até à data. Está localizada na Rive Gauche, próximo do Sena, entre as gares de Austerlitz e Lyon”, segundo o grupo.

“À semelhança das outras cinco unidades hoteleiras da marca Pestana CR7 Lifestyle Hotels, esta é uma parceria de investimento 50-50 entre o Pestana Hotel Group e Cristiano Ronaldo”, na qual a gestão fica a cargo da empresa, detalhou o grupo nesse dia.

O futebolista, citado no comunicado, disse que “faz todo o sentido a marca Pestana CR7 implementar-se em Paris, uma das cidades mais visitadas do mundo”.

“Com esta conquista, rumamos à duplicação do portefólio da marca, com uma expansão maioritariamente internacional que reforça a sua visibilidade global”, afirmou, na altura, José Roquette, Chief Development Officer do Pestana Hotel Group.

A marca Pestana CR7 Lifestyle Hotels conta neste momento com duas unidades, em Lisboa e no Funchal, mas estão previstas aberturas em Madrid, Nova Iorque, Marraquexe e Paris, num total de 800 quartos.

José Roquette reafirmou hoje que a aposta do grupo no estrangeiro centrar-se-á, essencialmente, na Europa e Estados Unidos da América. As prioridades são a “afirmação europeia como cadeia internacional” e “perseguir o sonho americano”, lembrou José Roquette.

Em janeiro, o responsável já tinha destacado que o grupo tinha “o plano de expansão mais ambicioso de sempre”, de projetos de mais de 200 milhões de euros, mantendo sempre o mesmo foco: diversificação, quer de mercados, de marcas, de controlo de propriedade ou gestão, entre outros.

Atualmente, tem 20 hotéis em fase de desenvolvimento, estando a negociar outros, prevendo 10 aberturas nos próximos 18 meses e outras dez nos dois a três anos seguintes. “Vamos ter 3.500 novos quartos nos próximos três a cinco anos, ultrapassando os 15.000 quartos”, concluiu. O PHG tem e gere cerca de 90 unidades em 15 países.

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)