Surf

Prémios de ondas gigantes distingue Alex Botelho com dois prémios

O surfista Alex Botelho, com dois prémios, a onda da temporada e a maior queda (wipeout), foi esta quinta-feira distinguido na quarta edição do prémio EDP Mar Sem Fim.

MIGUEL A. LOPES/EPA

Autor
  • Agência Lusa
Mais sobre

O surfista Alex Botelho, com dois prémios, a onda da temporada e a maior queda (wipeout), foi esta quinta-feira distinguido na quarta edição do prémio EDP Mar Sem Fim.

Entre 57 ondas submetidas, foram entregues oito prémios, em categorias diferentes, tendo sido distinguidos também Hugo Vau, com o prémio de tow in, João Macedo, com a melhor onda remada, e Miguel Blanco, com o maior tubo.

O melhor rookie foi Lourenço Katzenstein, enquanto Joana Andrade recebeu o prémio de melhor atleta no feminino, sendo que Sérgio Cósmico foi distinguido na categoria Irmandade, para o piloto de mota de água “que mais ajudou os surfistas ao longo da temporada”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)