Rádio Observador

Opel

Rival do Qashqai. Grandland X chega por 29.000€

Há muito desvendado, chega agora ao mercado português o Grandland X, o SUV compacto da Opel com a mesma base do Peugeot 3008. Por 29.000€ quer ser alternativa ao Qashqai, líder de vendas no segmento.

A oferta SUV da Opel é das que claramente beneficia com a alteração no sistema de portagens nas auto-estradas nacionais, com o há muito apresentado Grandland X a ter finalmente data de chegada ao mercado português. Será em Novembro que o SUV compacto da Opel, que já pode ser reservado, vai chegar aos concessionários, sendo proposto por valores que se iniciam nos 29.090€.

O preço diz respeito ao 1.2 Turbo de três cilindros, com injecção directa de gasolina, que debita 130 cv de potência, anunciando um consumo de 5,2 l/100 km (valores WLPT convertidos para NEDC) em ciclo misto, a que correspondem 120 g/km de emissões de CO2, na versão com caixa manual de seis velocidades.

A gasóleo, a proposta recai no 1.5 Turbo D, também com 130 cv de potência e 300 Nm de binário máximo que, se exige um maior investimento inicial (a partir de 32.090€), oferece em contrapartida menores custos de utilização e uma menor pegada ambiental. Em ciclo misto, o turbodiesel vê o consumo baixar para os 4,1 l por cada 100 km percorridos e as emissões de CO2 situarem-se nos 108 g/km. Estes valores são igualmente válidos se o cliente preferir a comodidade proporcionada pela transmissão automática de oito velocidades, a qual pode ser acoplada a qualquer uma das motorizações com um acréscimo de preço de 2.000€.

Disponível em dois níveis de equipamento, Edition e Innovation, o novo Opel Grandland X tem por missão atrair a clientela que tradicionalmente prefere um SUV do segmento C, ou seja, entra num território onde já competem os seus “manos” Citroën C5 Aircross e Peugeot 3008, com os quais partilha a arquitectura. Neste segmento, o tradicional líder de vendas em Portugal é o Nissan Qashqai, embora tenha cada vez mais o Volkswagen Tiguan no seu encalço. A versão de entrada do Grandland X situa-se precisamente entre os dois, pois se o adversário nipónico é proposto por um valor inferior (desde 26.300€), também oferece menos potência (115 cv) e regista consumos mais elevados (5,6 l). Comparativamente ao Volkswagen, o Opel perde em potência (130 contra 150 cv do 1.4 TSI Confortline), mas oferece uma substancial diferença no preço, pois o mais barato dos Tiguan é comercializado entre nós por valores a partir de 35.000€ – ou seja, mais 6.000€ que o Grandland X mais acessível.

Pesquisa de carros novos

Filtre por marca, modelo, preço, potência e muitas outras caraterísticas, para encontrar o seu carro novo perfeito.

Pesquisa de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: scarvalho@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)