Benfica

Benfica e Google chegam a acordo e evitam processo judicial no caso dos emails

Em reação às notícias de um acordo com o Benfica sobre o caso da divulgação dos emails, a Google disse que "respeita a lei e está a agir em conformidade com um processo legal válido nos EUA".

ANTÓNIO COTRIM/LUSA

Autores
  • Agência Lusa

A Google reagiu à notícia de um acordo com o Benfica sobre o fornecimento de dados pessoais dos blogues associados à divulgação anónima de correspondência eletrónica dos encarnados — “Artista do Dia” e “Mister do Café”. A empresa norte-americana referiu que “respeita a lei e está a agir em conformidade com um processo legal válido nos EUA”. Fora do âmbito deste acordo fica o blogue “Mercado de Benfica”, que está alojado na WordPress e não na Google. O Benfica, que já intentou uma ação judicial, ainda não conseguiu obter a identidade do autor do referido blogue.

A Google notificou os utilizadores envolvidos que tiveram a oportunidade de contestar o processo legal num tribunal norte-americano”, acrescentou a empresa num comunicado divulgado.

Ainda esta quarta-feira, o Correio da Manhã avançou que os encarnados tinham chegado a um acordo com a Google, desistindo da ação contra a empresa e, em troca, o Benfica recebia os elementos identificativos sobre os autores dos blogs. À agência Lusa, o Benfica confirmou ter chegado “a acordo com diversas empresas e plataformas em defesa dos legítimos interesses do Sport Lisboa e Benfica”.

Na terça-feira, o Jornal de Notícias, na sua edição impressa, noticiou que um tribunal da Califórnia travou a divulgação de dados de bloggers pedida pelo Benfica numa ação civil que deu entrada em abril último, interposta pelos encarnados contra desconhecidos e empresas. O Benfica queria responsabilizar a Google (que integra a Blogspot), a Automatic (que gere a WordPress) e a Cloudfare.

Na queixa, os encarnados exigiam que os conteúdos privados, relativos à sua correspondência, fossem eliminados e que o responsável pelo acesso à informação fosse chamado à justiça. A isso acrescentaram outras duas condições: o Benfica queria que os lucros alegadamente obtidos com a divulgação da informação fossem entregues e que os custos do processo judicial fossem da responsabilidade dos acusados. A Google, citada pelo JN, referiu na resposta que o clube “não tem elementos suficientes para apresentar uma queixa viável”, afirmando não ter qualquer relação com os bloggers e que não teve qualquer lucro com a situação.

Há cerca de quatro semanas, a Google notificou o blogue “Artista do Dia”, afeto ao Sporting, de que poderia vir a fornecer os seus dados ao Benfica, nomeadamente o IP, o que permitiria acesso aos administradores e responsáveis daquela página. A notificação aconteceu na sequência de uma denúncia apresentada pelo clube a propósito do caso dos emails e da revelação de correspondência privada de alguns dirigentes. A informação faz parte de uma reportagem assinada pelo The New York Times, com o título “Benfica, um grande clube que está a ir atrás de pequenos bloggers

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)