Futebol

Messi fez um golo e uma assistência em 12 minutos, lesionou-se a seguir e vai estar fora três semanas

Com o empate do Atl. Madrid, o Camp Nou recebia um Barcelona-Sevilha que valia liderança (4-2). Em 12 minutos, Messi resolveu a questão com um golo e uma assistência. O pior viria pouco depois.

Messi lesionou-se aos 16', teve de ser substituído e vai falhar seis jogos, entre os quais o clássico com o Real Madrid

Getty Images

À entrada para este sábado, o Alavés, que vencera na abertura da jornada o Celta em Vigo por 1-0, era o líder surpresa da Liga espanhola. Mas as contas fora dos planos estavam longe de ficar por aí: por volta da hora de almoço, o Real Madrid adensou o período de crise com uma derrota no Bernabéu por 2-1 com o Levante; à tarde, o Atl. Madrid não foi além de um empate com o Villarreal e perdeu a oportunidade de subir a primeiro nem que fosse por um par de horas. Assim, o Camp Nou recebia uma partida decisiva para a liderança isolada da prova. E se é decisivo, é de Lionel Messi.

O argentino, que recebeu o prémio de melhor jogador da Liga em setembro antes do início do encontro num dia especial em que o clube apresentou em Assembleia Geral as infraestruturas que estão a ser preparadas para o futebol de formação e feminino, bem como a remodelação de Camp Nou (se tiver quatro minutos e meio mais livres, veja o vídeo divulgado pelo clube), acabou por estar apenas 16 minutos em ação antes de sofrer uma lesão com algum grau de gravidade, o suficiente para desequilibrar a partida contra o Sevilha de Daniel Carriço e André Silva, ambos titulares esta noite.

Logo aos dois minutos e num passe de génio, Messi isolou Coutinho que disparou ao ângulo da baliza de Vaclik para o 1-0; aos 12′, o número 10 teve mais uma arrancada em velocidade a serpentear até ao remate em jeito a colocar a bola longe do alcance do guarda-redes contrário para o 2-0. O pior viria depois, aos 16′: num lance em que foi ao choque com Franco Vazquez, o capitão dos blaugrana caiu mal com o braço, ficou logo no chão a queixar-se de dores e foi obrigado a sair já com a zona afetada ligada. De acordo com o clube, o argentino sofreu uma fratura no rádio do braço direito, devendo parar cerca de três semanas.

Na última meia hora, houve chuva de golos em Barcelona com Luís Suárez a fazer o 3-0 de grande penalidade (63′), Pablo Sarabia a reduzir para 3-1 (79′), Rakitic a colocar de novo a vantagem dos catalães em três golos (88′) e Muriel, avançado que estará a ser seguido de forma mais atenta pelo Sporting, a fechar as contas em 4-2 (90′). O Barça garantia a subida à liderança isolada no Campeonato, levando já 41 jogos seguidos sem derrotas em casa (melhor série desde 1993). No entanto, era a lesão de Messi que mais preocupava os adeptos, incapazes de disfarçar os assobios perante a exibição menos conseguida de Dembelé.

“A lesão dele acabou por desconcentrar a nossa equipa mas esperamos que recupere o mais breve possível. Vai ser uma baixa importante mas temos os recursos suficientes para enfrentarmos o problema”, comentou o técnico do Barcelona, Ernesto Valverde, antes de resumir a opinião sobre a vitória: “Às vezes acontecem estas situações mais caprichosas num jogo depois de termos chegado com uma vantagem clara ao intervalo. O Sevilha pressionou mais mas tivemos oportunidades. Abrandámos um pouco no final e voltámos a sofrer dois golos por isso”.

Com a lesão e o provável tempo de paragem, Lionel Messi deverá falhar um total de seis encontros, voltando após a paragem para as seleções frente ao Atl. Madrid. Até lá, o argentino ficará de fora nos dois encontros para a Liga dos Campeões com o Inter (em Camp Nou já esta quarta-feira) e também do clássico com o Real Madrid – será a primeira vez desde 2007 que o jogo grande da Liga não contará nem com o número 10 nem com Cristiano Ronaldo. Além disso, os catalães irão ainda enfrentar neste ciclo o Rayo Vallecano e o Betis para o Campeonato e o Cultural Leonesa para a Taça.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: broseiro@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)