Um pescador da Nova Zelândia resgatou, são e salvo, um bebé de 18 meses que tinha fugido da tenda onde dormia com os pais, num parque de campismo próximo da costa, avança o jornal local  NZ Herrald.

O incidente ocorreu na praia de Matata, na lha Norte do arquipélago. A criança terá conseguido abrir a tenda dos pais, dirigindo-se depois para o mar. Os responsáveis pelo parque de campismo estão a descrever o incidente como ”bizarro”.

Gus Hutt tinha o hábito de pescar todas as manhãs a 100 metros da praia de Matata, mas em outubro decidiu mudar o local de pesca para a praia, onde tudo aconteceu.  Quando estava a pescar foi surpreendido por algo que estava a boiar. ”Inicialmente pensei que fosse uma boneca”, descreve o pescador. ”A cara dele parecia porcelana, com o cabelo molhado colado à cabeça, mas depois soltou um pequeno guincho e pensei ‘meu Deus, é um bebé e está vivo”, recorda. “Se tivesse demorado mais um minuto, não o teria visto”, refere Hutt. “Ele teve muita sorte, mas não era a sua altura de partir”, conta o pescador ao jornal neozelandês.

A mulher do pescador, Sue, foi quem deu o alerta às autoridades, que confirmaram que no parque de campismo mais próximo apenas um casal tinha filhos.

De acordo com informações transmitidas pela co-proprietária do acampamento, Rebecca Salter, à BBC, “aparentemente o bebé estava muito contente por estar na praia. Era a primeira noite do casal aqui. Era a primeira vez que cá estavam”, disse a co-proprietária. “Foi um choque para todos”, continuou. “Podia ter sido um incidente muito trágico.”

Os pais do bebé nem sequer se aperceberam da saída repentina do filho. A mãe do bebé, Jessica White, confessou ter sido acordada pelo pessoal do parque de campismo e  refere que  entre esse momento e a altura em que viu o seu filho ”foi horrível”.  “Acho que o meu coração não bateu” nessa altura.

A equipa de emergência médica foi chamada ao local e o bebé foi transportado para um hospital, por precaução. Ao NZ Herrald, a mãe do bebé disse que o incidente pareceu um pesadelo, mas que o bebé se encontra bem.