Seleção Nacional

José Fonte, Raphael Guerreiro, André Gomes e João Mário regressam aos convocados da Seleção

Fernando Santos anunciou esta quinta-feira os convocados de Portugal para os dois últimos jogos na Liga das Nações, frente a Itália e Polónia. Ronaldo continua de fora e há quatro regressos na lista.

Fernando Santos soma por triunfos os dois jogos realizados na Liga das Nações e está perto de garantir apuramento para fase final

RODRIGO ANTUNES/EPA

Fernando Santos divulgou esta quinta-feira na Cidade do Futebol os convocados da Seleção Nacional para os últimos dois encontros da fase de grupos da Liga das Nações, com a Itália (dia 17, 19h45, em Milão) e a Polónia (dia 20, 19h45, em Guimarães). Numa lista que voltou a não contar com Cristiano Ronaldo – que tinha definido com o selecionador e a Federação regressar apenas aos compromissos nacionais em 2019, apesar das notícias na imprensa italiana que davam conta da possibilidade de defrontar a formação transalpina –, os regressos de José Fonte, André Gomes, João Mário e Raphael Guerreiro (todos eles campeões europeus em 2016) foram as grandes surpresas entre os 25 eleitos.

Em relação à última convocatória, e para as entradas destas quatro novidades, saíram os defesas Kevin Rodrigues (Real Sociedad) e Pedro Mendes (Montpellier); o médio Gedson Fernandes (Benfica); e o avançado Hélder Costa (Wolverhampton). Ainda chegou a ser noticiada a convocatória de Daniel Carriço, jogador do Sevilha, mas o central figurava apenas na habitual lista de pré-convocados. Assim, a lista de 25 convocados para o duplo confronto que encerra a Liga das Nações é a seguinte:

Guarda-redes: Beto (Goztepe), Cláudio Ramos (Tondela) e Rui Patrício (Wolverhampton)

Defesas: Cédric Soares (Southampton), João Cancelo (Juventus), José Fonte (Lille), Luís Neto (Zenit), Pepe (Besiktas), Rúben Dias (Benfica), Mário Rui (Nápoles) e Raphael Guerreiro (B. Dortmund)

Médios: André Gomes (Everton), Bruno Fernandes (Sporting), Danilo Pereira (FC Porto), João Mário (Inter), Pizzi (Benfica), Renato Sanches (Bayern), Rúben Neves (Wolverhampton) e William Carvalho (Bétis)

Avançados: André Silva (Sevilha), Bernardo Silva (Manchester City), Bruma (RB Leipzig), Éder (Lokomotiv Moscovo), Rafa (Benfica) e Gonçalo Guedes (Valência)

Nesta fase, Portugal soma por vitórias os dois encontros realizados na Liga das Nações, na receção à Itália (1-0) e na deslocação à Polónia. Assim, a Seleção Nacional necessita de um de dois cenários para garantir o apuramento para a fase final da prova: pontuar na partida em San Siro, frente aos transalpinos, ou vencer o jogo com a Polónia em Guimarães. Curiosamente, ainda não há nenhuma seleção apurada para a Final Four, o que evidencia o equilíbrio nos quatro grupos da Liga A.

André Silva apontou assim o único golo no triunfo de Portugal frente à Itália na abertura da Liga das Nações (Claudio Villa/Getty Images)

“Ninguém está excluído da Seleção Nacional. O futuro dirá o que vai acontecer porque é uma evolução natural e não vale a pena fazer previsões. Não tenho o dom da adivinhação, não sei quem vão ser os jogadores presentes em março”, referiu o selecionador nacional em relação às entradas e saídas na lista de convocados, aproveitando ainda para dar os parabéns a Vítor Pereira (que foi campeão na China) e Pedro Caixinha (que venceu a Taça do México).

Já sobre Cristiano Ronaldo, que continua fora das convocatórias da Seleção, Fernando Santos fez apenas um comentário… e que passou ao lado deste contexto. “A única coisa que acho é que merece ganhar a Bola de Ouro. Tem todo o mérito e justiça… Aliás, será uma injustiça se não ganhar. O resto não é importante”, sublinhou.

“Portugal sempre jogou para ganhar e não podemos pensar de outra maneira. É proibido pensar que temos dois jogos para resolver a questão, se vamos a pensar num empate corremos o risco de tornar o jogo da Polónia decisivo. Vamos procurar carimbar já o apuramento com a Itália, tendo em conta que vamos defrontar uma grande equipa com o mesmo objetivo que nós e que vai agarrar-se a isso para fazer um bom jogo. É de top mundial e em casa é sempre favorita, por isso tenho a certeza que vai ser um grande jogo”, destacou a propósito do encontro com a Itália de dia 17, prosseguindo: “Artilharia pesada? A equipa respondeu muito bem nos últimos jogos que realizámos e espero que continuem a manter a mesma capacidade com estes jogadores que chamei. No geral estou muito satisfeito com o comportamento deles”.

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: broseiro@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)