Música

Backstreet Boys atuam em Lisboa em maio do próximo ano

2.390

A boy band norte-americana volta a Lisboa quatro anos depois do último concerto. Desta vez, o espetáculo será na Altice Arena (antigo Pavilhão Atlântico), inserido numa grande digressão mundial.

AJ McLean, Howie Dorough, Nick Carter, Brian Littrell e Kevin Richardson prometem aos fãs a maior digressão dos últimos 18 anos

Getty Images for CMT

Os Backstreet Boys vão atuar em Lisboa dia 11 de maio. O concerto, incluído na digressão mundial de apresentação do próximo álbum da boy band norte-americana, DNA, acontecerá na Altice Arena (antigo Pavilhão Atlântico). O último concerto dos Backstreet Boys em Portugal tinha acontecido também em Lisboa, há quatro anos, mas no Campo Pequeno.

O quinteto formado por AJ McLean, Howie Dorough, Nick Carter, Brian Littrell e Kevin Richardson, que teve no final dos anos 1990 e início dos anos 2000 o seu auge de popularidade, prepara-se para lançar o novo (e décimo) álbum a 25 de janeiro. Já é possível ouvir um dos singles do disco, “Chances”. A digressão está a ser apresentada aos fãs como a maior digressão da boy band nos últimos 18 anos.

A venda de bilhetes inicia-se na próxima sexta-feira, 16 de novembro. O preço dos bilhetes gerais oscila entre os 35€ e os 45€, estando ainda previstos bilhetes para o golden circle (zona especial mais próxima do palco) a 85€.

Getty Images for 103.5 KTU

Apesar da digressão ser motivada pela edição de um novo álbum, os Backstreet Boys deverão apresentar nos seus concertos os grandes êxitos do passado, de “I Want it That Way” a “Everybody (Backstreet’s Back)” ou “Shape of My Heart”.

Em agosto deste ano, os Backstreet Boys atuaram nos MTV Video Music Awards (VMA), mas num palco secundário. As reações à tentativa de ressurgimento da banda, contudo, não foram unânimes.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: gcorreia@observador.pt
CDS-PP

O governo merece uma censura /premium

João Marques de Almeida

Se o Presidente, o PM e os partidos parlamentares fossem responsáveis e se preocupassem com o estado do país, as eleições legislativas seriam no mesmo dia das eleições europeias, no fim de Maio. 

Arrendamento

A coisa /premium

Helena Matos

Programas para proprietários que antes de regressarem à aldeia entregam ao Estado as suas casas para arrendar. Torres com 300 apartamentos. O arrendamento tornou-se na terra da intervenção socialista

Médicos

Senhor Dr., quanto tempo temos de consulta?

Pedro Afonso

Um dos aspetos essenciais na relação médico-doente é a empatia. Para se ser empático é preciso saber escutar. Ora este é um hábito que se tem vindo a perder na nossa sociedade, e nas consultas médicas

Crónica

Na Caverna da Urgência

António Bento

A principal queixa do homem contemporâneo é a de uma permanente e estrutural sensação de «falta de tempo». Há uma generalização da urgência a todos os domínios da experiência e da existência moderna.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)