Crime

Surfista portuguesa esfaqueada após tentativa de violação

3.351

Mariana Rocha Assis conta no Facebook que foi esfaqueada após tentativa de violação, na passada sexta-feira, quando ia a caminho de casa. A surfista já se encontra a recuperar em casa.

A surfista portuguesa Mariana Rocha Assis (fotografia retirada da sua página no Facebook)

A surfista portuguesa Mariana Rocha Assis foi esfaqueada, na passada sexta-feira, quando ia a caminho de casa. O episódio é contado pela própria na sua página do Facebook, onde relata que o ataque aconteceu depois de ter sido alvo de uma tentativa de violação.

Entre “raiva, frustração, dor, medo”, Mariana começa por escrever no Facebook que nem sabe o que sente, contando: “Ia para casa sozinha de noite, quando um homem tentou violar-me. Não conseguiu. Tive o sangue frio de dar-lhe uma joelhada nos testículos e depois esfaqueou-me na barriga”.

Anger, frustration, pain, fear, I'm not even sure what I feel…. Not only by knowing the luck I had, but the fact that…

Posted by Mariana Rocha Assis on Sunday, November 11, 2018

De acordo com o site Beachcam, a surfista estava sozinha no paredão do Estoril, quando foi abordada por um indivíduo, que a terá tentado violar. Ao defender-se, começou a ser esfaqueada na zona do abdómen.

A surfista e skater também partilhou uma fotografia tirada no hospital, onde foi assistida. Ao mostrar o local onde foi esqueada, Mariana Rocha Assis mostra-se igualmente sorridente e com a promessa de que voltará “à água assim que possível”, depois de agradecer todas as mensagens de apoio que já recebeu.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)