De 5 a 8 de novembro a FIL, no Parque das Nações, podem ter recebido a Web Summit, mas mal uma semana passou e as portas dos pavilhões abriram-se a um público bem mais jovem que quer celebrar — e jogar — a indústria do Gaming. Robôs, torneios de eSports, YouTubers, aulas para se aprender a programar e sim, claro, videojogos. Até este domingo dezenas de milhares de portugueses vão estar em Lisboa nesta semana virada para o entretenimento do futuro.

O Observador visitou esta sexta-feira os dois pavilhões e, desde comandos e até aos Comandos do Exército, que têm um stand no evento, deixamos o que vimos neste evento. Há videojogos que ainda não chegaram ao mercado, realidade virtual e até um slide. As principais consolas — a PS4, a Nintendo Switch e a Xbox One — estão representadas também, juntamente com marcas de computadores que prometem experiências de gaming mais competitivas.

Houve filas, mas esta sexta-feira ainda havia espaço para os milhares de curiosos entrarem em experiências de realidade virtual e jogarem jogos retro (mais antigos), em computadores Amiga e Commodore 64.

Veja a fotogaleria em cima.