Rádio Observador

Futebol

Paul Gascoigne acusado de assédio sexual em comboio em Inglaterra

O ex-futebolista Paul Gascoigne, de 51 anos, terá tentado tocar de forma imprópria numa mulher, durante uma viagem de comboio entre York e Durham, a 20 de agosto. O julgamento começa a 11 de dezembro.

Lindsey Parnaby/EPA

O antigo futebolista internacional inglês Paul Gascoigne, de 51 anos, foi acusado de assédio sexual a uma mulher a bordo de um comboio, revelou esta segunda-feira a polícia britânica dos transportes.

De acordo com a mesma fonte, o ex-médio de Tottenham e Newcastle terá tocado de forma imprópria numa mulher, durante uma viagem de comboio entre York e Durham, no norte de Inglaterra, a 20 de agosto.

Nesse dia, Gascoigne foi detido pelas autoridades, mas só esta segunda-feira foi formalmente acusado e no dia 11 de dezembro irá ser julgado em tribunal.

‘Gazza’, que também passou pela Lazio, Everton e Middlesbrough, é considerado um dos futebolistas ingleses mais talentosos de sempre, embora tenha tido uma carreira conturbada, devido a mau comportamento e ao abuso de álcool.

Após ‘pendurar’ as chuteiras, em 2005, Gascoigne continuou a aparecer nas primeiras páginas dos jornais sensacionalistas, sobretudo por causa dos seus problemas com o abuso de bebidas alcoólicas e drogas.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)