A taxa de desemprego foi de 6,6% em setembro, um mínimo desde 2002, menos três décimas do que em agosto e menos duas décimas do que no mesmo mês de 2017, anunciou esta quinta-feira o INE.

O Instituto Nacional de Estatística (INE) também refere que a taxa de desemprego de 6,6% coincide com a estimativa provisória divulgada há um mês e avança que a estimativa provisória da taxa de desemprego de outubro de 2018 aponta para 6,7%, mais uma décima que no mês precedente.

Comparando com agosto, a população desempregada em setembro diminuiu 5,0% (menos 18,0 mil pessoas) e a população empregada aumentou 0,2% (mais 8,8 mil pessoas).