Um investidor que fez fortuna com o videojogo Angry Birds, um dos primeiros grandes êxitos do mobile gaming, quer construir um túnel submerso onde irão circular comboios entre Helsínquia, capital da Finlândia, e Tallinn, capital da Estónia. Peter Vesterbacka acredita que este será um dos pontos mais dinâmicos da economia nas próximas décadas, pelo que quer dar a opção de viajar entre as duas cidades em 20 minutos, em vez das várias horas que demora atualmente (através de ferry). Mas os únicos apoios que o investidor está a receber vêm do Dubai.

A obra deverá custar entre 15 e 20 mil milhões de euros e Vesterbacka já conseguiu que a construtora ARJ Holding, do Dubai, se comprometesse com um primeiro financiamento de 100 milhões de euros para a iniciativa do ex-executivo da Rovio, empresa que produziu os jogos Angry Birds, e da sua companhia, a FinEast Bay Area.

O negócio tem perfeita viabilidade, defende o investidor. Milhares de estónios viajam todas as semanas para trabalhar na Finlândia, a maioria dos quais viaja à 2ª feira e regressa à 6ª feira, porque o ferry demora, no mínimo, mais de duas horas para fazer o trajeto, que é inferior a 90 quilómetros em linha reta. Se a viagem passar a ser feita em 20 minutos muitos poderiam passar a ir para casa todos os dias.

Em sentido contrário, Tallinn e outras zonas da Estónia são muito apreciados pelos finlandeses para fazer férias, o que reforça a viabilidade deste meio de transporte que, contudo, nenhum organismo europeu ou estatal está disponível para apoiar financeiramente.

Em conferência de imprensa, o promotor do projeto defendeu que ter obtido o primeiro financiamento externo é um “passo significativo”. “O pólo Helsínquia-Tallinn vai, no futuro, ser uma das metrópoles em maior crescimento na Europa”, acredita Peter Vesterbacka, confiante de que haverá novos financiamentos originários da Ásia e da China.

Foi feito um estudo de viabilidade pelos governos dos dois países, que considerou que poderia ser possível construir o túnel até 2040, mas Vesterbacka não tem dúvidas de que o plano pode estar concluído em 2024. “É esse o plano e não há qualquer razão para acreditar que não será assim”, atirou o empresário, numa altura em que um site de compra e venda de bilhetes já colocou à venda bilhetes para fazer a viagem a partir de 24 de dezembro de 2024 — a um custo de 50 euros.

O sucesso do túnel será tão grande, acredita Vesterbacka, que se poderá construir uma ilha artificial no meio do Golfo da Finlândia, onde podem viver até 50 mil pessoas. O comboio poderia, é claro, fazer uma paragem a meio caminho para que alguns passageiros pudessem sair para essa ilha artificial.