O médio do Sporting Miguel Luís mostrou-se esta quarta-feira satisfeito com o futebol praticado pela equipa lisboeta sob a liderança do novo treinador, o holandês Marcel Keizer, observando que os últimos resultados e as boas exibições são prova disso.

“As ideias têm sido bem interiorizadas. Estamos cada vez mais conscientes das ideias que o mister quer para o nosso jogo. O plantel está satisfeito”, afirmou o jovem médio, de 19 anos, acrescentando: “Os resultados dizem isso, temos praticado um bom futebol e queremos continuar”.

Na conferência de imprensa de antevisão à partida da sexta e última jornada da fase de grupos da Liga Europa, diante do Vorskla Poltava, Miguel Luís abordou o seu atual momento na equipa, uma vez que ainda não tem qualquer minuto de utilização.

“Todos os jogadores têm vontade de jogar a titular. Sou muito jovem, tenho aprendido muito e a cada dia sinto-me mais confiante. Tenho que continuar a trabalhar para mostrar que sou uma opção valida para quando for chamado dar uma boa resposta”, justificou.

A lesão do brasileiro Wendel pode ser vista como uma oportunidade para Miguel Luís ganhar um lugar no ‘onze’ de Keizer, mas o médio remeteu a resposta para o treinador.

“É um momento triste [a lesão de Wendel]. Vinha a jogar bem e é um jogador importante. Agora, cabe ao mister decidir quem vai jogar nesse lugar”, declarou.

Na quinta-feira, o Sporting, já apurado para os 16 avos de final da Liga Europa, recebe os ucranianos do Vorskla Poltava, no Estádio José Alvalade, pelas 20h00, no último jogo da fase de grupos, que será dirigido pelo austríaco Manuel Schuettengruber.