Netflix

Filme inspira perigoso desafio ‘Bird Box’. Netflix já divulgou alerta sobre os riscos

O desafio "Bird Box", inspirado no novo filme da Netflix protagonizado pela atriz Sandra Bullock, já levou pessoas ao hospital. A Netflix já emitiu um alerta sobre os perigos e a pedir para pararem.

A atriz Sandra Bullock é a protagonista do filme "Bird Box", que inspirou um desafio tornado viral na internet

Fazer atividades do dia-a-dia com os olhos vendados e ser filmado a tentar fazê-las é a nova moda que anda a circular na internet. Este é o desafio “Bird Box”, inspirado no novo filme (com o mesmo nome) protagonizado pela atriz Sandra Bullock, e que já fez com que a Netflix emitisse um alerta a avisar as pessoas para não tentarem fazê-lo pelos perigos que envolvem. As tarefas em causa vão desde ações tão banais como estar sentado em frente a uma televisão ligada até tentar acertar numa chávena com líquidos quentes ou mesmo conduzir um carro — tudo de olhos tapados. Algumas situações já acabaram no hospital.

O desafio segue o mesmo rumo que o filme “Bird Box” leva. A parte “desafiante” estará em vendar os olhos enquanto se tentam executar tarefas. Certo é que até youtubers já alinharam no “jogo” e o fenómeno parece estar a ficar cada vez mais viral. Foi o caso da youtuber Morgan Adams, que aderiu ao desafio durante 24 horas e partilhou um vídeo do resultado no seu canal. Ao fim de cinco dias, já tinha mais de dois milhões de visualizações.

A Netflix já publicou um alerta no Twitter a pedir que ninguém se magoe ao fazer o challenge da “Bird Box”.

Apesar do perigo que está subjacente ao desafio, o filme tornou-se de facto mais popular com ele: na semana passada, a Netflix deu conta de que 45 milhões de subscritores tinham visto o “Bird Box” na primeira semana logo após o seu lançamento. Este foi um recorde da plataforma de streaming relativamente a conteúdo original. O trailer do filme pode ser visto aqui.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Inovação

Dados, o novo ouro dos tolos

Miguel de Castro Neto
102

Os dados em si não possuem valor, o valor decorre do seu uso ou, mais concretamente, quando através do seu processamento somos capazes de criar informação que suporta a tomada de decisão.

Inovação

O papel e o valor das Cidades em Portugal

Bruno Curto Marques

No Portugal do século XXI, a estratégia para as cidades passa menos por escrever e reescrever os tradicionais planos estratégicos de desenvolvimento, e olhar para as cidades de outra forma.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)