Um incêndio numa habitação causou esta sexta-feira seis feridos, um deles em estado grave, sendo dois dos feridos ligeiros são militares da Guarda Nacional Republicana (GNR), disse à agência Lusa fonte do CDOS de Lisboa.

O incêndio deflagrou na Amoreira, Estoril, distrito de Lisboa, cerca das 13h20 e pelas 15h00 já estava extinto, de acordo com o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Lisboa.

Segundo fonte do INEM, todos os feridos resultam da “inalação de fumos”, sendo o ferido grave uma mulher de 78 anos que foi transportada ao hospital com acompanhamento da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER).

Entre os feridos ligeiros há uma criança, um rapaz de 12 anos, três homens de 73, 42 e 33 anos e uma mulher de 39 anos. Todos os feridos foram transportados ao Hospital de Cascais.

“Dos quatro feridos ligeiros, dois são militares da GNR que precisaram de assistência”, confirmou à agência Lusa fonte do CDOS de Lisboa. Os homens de 33 e 42 anos são os dois militares da GNR feridos, de acordo com o INEM.

Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Lisboa, no local estiveram nove veículos apoiados por 20 operacionais, dos Bombeiros Voluntários de Alcabideche, GNR, INEM e dos serviços municipais de Cascais.